Lista das motos mais rápidas do mundo [Atualizada 2021]

Redação Finanças
·5 minuto de leitura
Como seu nome já indica, a Dodge Tomahawk pode ser comparada a um míssil, pelo menos em termos de velocidade e é a moto mais rápida do mundo (AP Photo/Charles Bennett)
Como seu nome já indica, a Dodge Tomahawk pode ser comparada a um míssil, pelo menos em termos de velocidade e é a moto mais rápida do mundo (AP Photo/Charles Bennett)

Desde a invenção das primeiras motocicletas, na segunda metade do século XIX, milhões de pessoas ao redor do planeta passaram a se apaixonar pelo veículo que proporciona, entre outras coisas, grande agilidade em espaços apertados e altas velocidades em pistas livres. Após mais de 150 anos de evolução tecnológica, listamos as motos mais rápidas do mundo em 2021.

Veja lista das motos mais rápidas do mundo [Atualizada 2021]

  1. Dodge Tomahawk = 675 km/h (420 mph) - Como seu nome já indica, a Dodge Tomahawk pode ser comparada a um míssil, pelo menos em termos de velocidade. Mas será que pode ser considerada realmente uma moto? E mais, será que realmente atinge toda essa velocidade? São questões que geram polêmica desde a sua apresentação, em 2003, no Salão do Automóvel de Detroit, nos Estados Unidos. Para muitos, o projeto da Dodge não pode ser tratado como uma motocicleta por uma série de fatores estruturais, enquanto outros (ou os mesmos) questionam sua real velocidade máxima. A verdade é que o modelo foi desenvolvido como “conceito” e seus surreais 675 km/h nunca foram oficialmente colocados à prova. Estima-se que apenas nove foram produzidas.

  2. Kawasaki Ninja H2R = 400 km/h (249 mph) - O nome Kawasaki Ninja provavelmente é o mais famoso do mundo quando o assunto é motos esportivas. O primeiro modelo da série foi apresentado pela fabricante japonesa em 1984 e, desde então, mais de 30 evoluções chegaram ao mercado, sempre destacando designs agressivos e performances impressionantes. Entre todas elas, a Ninja H2R aparece no topo em termos de velocidade, alcançando incríveis 400 km/h. Lançada em 2015 com 310 cavalos, a moto tem tanta potência que seu uso é restrito a circuitos automobilísticos. Mas sua versão de rua, a Ninja H2, também não fica muito para trás, podendo atingir até 325 km/h.

  3. MTT Y2K Turbine Superbike = 365 km/h (227 mph) - Lançada no início dos anos 2000, a MTT Y2K Turbine Superbike entrou para o Guinness Book em 2004 como a moto mais rápida e cara a ser produzida para o mercado comum. Mas para atingir tal recorde, antes foi necessário adaptar uma turbina da Rolls-Royce, normalmente utilizada em helicópteros e pequenos aviões, para o veículo de duas rodas. A ousada engenharia deu certo e, segundo a fabricante norte-americana, são 320 cavalos de potência que fazem a motocicleta alcançar até 365 km/h. De acordo com o apresentador e comediante Jay Leno, um dos primeiros a ser presenteado com o modelo, o calor gerado pelo exaustor da sua moto foi capaz de derreter o para-choque de um carro que estava atrás.

  4. Lightning LS-218 = 350 km/h (218 mph) - Se na posição anterior está uma moto que apelou para o uso de uma turbina aeronáutica, agora aparece uma que escolheu a eletricidade como fonte de energia. A Lightning LS-218 foi apresentada ao mundo em 2013, quando venceu uma tradicional corrida norte-americana de rua sobre competidores com motocicletas movidas à combustão. Na ocasião, a equipe vencedora ainda aproveitou a energia solar para recarregar as baterias da moto, o que significou a primeira vitória de um veículo com tal recurso em competições profissionais nos Estados Unidos. Desde 2014, pode ser considerada a moto mais rápida do mundo homologada para as ruas.

  5. Ducati 1199 Panigale R = 325 km/h (202 mph) - A tradicional fabricante italiana também tem uma representante no Top 10 das motos mais rápidas do mundo. Apesar de desenvolver variados modelos superesportivos, inclusive alguns em homenagem ao piloto Ayrton Senna, o maior registro de velocidade ficou com a versão 1199 Panigale R, desenvolvida exclusivamente para circuitos fechados.

  6. Suzuki Hayabusa = 312 km/h (194 mph) - Também conhecida como GSX1300R, a primeira geração da Suzuki Hayabusa chocou o mundo em 1999, quando quebrou facilmente o recorde de velocidade que pertencia à Honda CBR 1100XX. Batizada em homenagem ao falcão-peregrino, considerado o animal mais rápido do planeta, a moto conta com 173 cavalos de potência e pode alcançar 312 km/h, um pouco menos do que a ave de rapina em modo de ataque.

  7. MV Agusta F4 R 312 = 312 km/h (194 mph) - Outra marca originária da Itália que fabrica algumas das motos mais rápidas do mundo é a MV Agusta, que em 2007 lançou o modelo F4 R 312. E a numeração escolhida para batizá-la não foi à toa, afinal, sua velocidade máxima é de 312 km/h. A marca foi atingida durante testes no gigantesco circuito oval de Nardò, que fica bem no “salto” da bota italiana.

  8. BMW S1000RR = 302 km/h (188 mph) - Apesar de ser mais conhecida pelos seus carros, a BMW também tem grande destaque no mundo das motocicletas. Lançada em 2009 para competir no Campeonato Mundial de Superbike, a moto alemã é capaz de ir de zero a 100 km/h em apenas 2,6 segundos, tendo como velocidade máxima a marca de 302 km/h.

  9. Kawasaki Ninja ZX-14 = 299 km/h (186 mph) - Maior orgulho da Kawasaki, a série Ninja aparece pela segunda vez no nosso ranking das motos mais rápidas do mundo, mas desta vez com um modelo homologado para circular por ruas e estradas. Lançada ao mercado em 2006, a máquina acelera oficialmente até 299 km/h, e só não ultrapassa a marca dos 300 km/h porque conta com um limitador de velocidade.

  10. Honda CBR1100XX = 290 km/h (180 mph) - Uma das séries esportivas mais populares no Brasil é a CBR da Honda, que foi desenvolvida em meados dos anos 1990 justamente para ser a moto mais rápida do mundo naquele período. Com a versão 1100XX, também apelidada de Super Blackbird, a fabricante japonesa conseguiu alcançar seu objetivo e registrou uma velocidade máxima de 290 km/h. Porém, o recorde durou menos de três anos, quando a Suzuki Hayabusa foi 22 km/h mais veloz.