Estados Unidos têm seis mortes por Coronavírus, todas em Washington

Duas mulheres caminham usando máscaras em Washington, onde morreram seis pessoas (AP Photo/Ted S. Warren)

Seis pessoas morreram em sequência em Washington, nos Estados Unidos, vítimas do novo Coronavírus, de acordo com autoridades de saúde norte-americanas. As informações são do canal de Tv CNN.

E nos siga no Google News:

Yahoo Notícias | Yahoo Finanças | Yahoo Esportes | Yahoo Vida e Estilo

Uma pessoa morreu no condado de Snohomish, de acordo com informações oficiais. Outras cinco vítimas foram no condado de King. Ambos são na região de Seattle, a maior cidade da região.

Leia também

Já são 100 casos do novo coronavírus nos Estados Unidos, de acordo com o Centro de Controle e Prevenção da doença no país.

Ainda de acordo com o órgão oficial, 48 casos são de pessoas repatriadas. Outros 52 casos foram registrados em 11 estados.

Baixe o app do Yahoo Mail em menos de 1 min e receba todos os seus emails em 1 só lugar

A primeira vítima fatal no país foi confirmada no último sábado (29). Diante da notícia, o presidente norte-americano Donald Trump afirmou que o novo coronavírus ainda é uma ameaça pequena e que não há motivos para pânico.

Coronavírus no Brasil

Boletim do Ministério da Saúde atualizado na tarde desta segunda-feira mostrou que o Brasil tem 433 suspeitos do novo coronavírus, que costuma provocar sintomas parecidos ao da gripe, como febre e problemas respiratórios.

São Paulo, onde estão os dois casos confirmados, também é o estado que mais tem casos suspeitos: 163. No Rio de Janeiro, são 42. Apenas quatro estados não registraram casos suspeitos: Acre, Amapá, Roraima e Tocantins.

Depois de São Paulo, os estados com mais casos são: Rio Grande do Sul (73), Minas Gerais (48), Rio de Janeiro (42) e Santa Catarina (36). Por região, são 258 no Sudeste, 116 no Sul, 29 no Nordeste, 26 no Centro-Oeste e quatro no Norte.O boletim também indica 162 suspeitas já descartadas.

Nesses casos, os testes mostraram que as pessoas pegaram outros vírus, como os causadores da gripe, ou então deram negativo especificamente para o novo coronavírus.