EUA afirmam que mais de 75 mil soldados russos foram mortos ou feridos na Ucrânia

EUA afirmam que mais de 75 mil soldados russos foram mortos ou feridos na Ucrânia credit:Bang Showbiz
EUA afirmam que mais de 75 mil soldados russos foram mortos ou feridos na Ucrânia credit:Bang Showbiz

Autoridades dos Estados Unidos afirmaram que mais de 75 mil soldados russos foram mortos ou feridos desde que a guerra na Ucrânia começou em fevereiro deste ano.

De acordo com informações do jornal 'The Daily Telegraph', mais da metade das tropas russas enviadas ao país vizinho foram mortas em combate.

Na semana passada, o diretor da CIA havia estimado que 60 mil soldados haviam morrido, porém, acredita-se que o número real esteja perto dos 80 mil.

A contagem contrasta com a do Kremlin, que alega que 56 mil combatentes foram mortos ou feridos nos cinco meses de conflito militar.

Elissa Slotkin, que é membro da Câmara dos Representantes dos Estados Unidos e assistiu à uma reunião secreta do governo dos EUA - relatou à CNN: "Nos disseram que mais de 75 russos foram mortos ou feridos, o que é um número imenso".

Vladimir Putin, por sua vez, declarou, através de seu porta-voz Dmitry Peskov, que a estimativa era falsa e que se tratava apenas de relatos da imprensa, e não de conclusões do governo americano.

O almirante Tony Radakin, que está no comando das tropas britânicas, afirmou recentemente que o plano de Vladimir Putin de tomar a Ucrânia em uma questão de semanas havia "fracassado espetacularmente".

"Eles são absolutamente claros sobre sua intenção de recuperar todo o seu território em relação à Ucrânia. Eles veem uma Rússia em situação difícil, uma Rússia que, segundo nossas estimativas, perdeu mais de 30% de sua eficácia no combate terrestre".

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos