'Eu pedia uma segunda-feira pro meu pai pra ficar em casa', lembra Bruno, do KLB

Muitos adolescentes hoje sonham com fama e milhares de fãs, mas quem já viveu o auge do sucesso na juventude sabe bem a falta que faz um dia de sossego.

É o caso de Bruno Scornavacca, caçula do KLB. Sem se queixar do sucesso, ele conta que às vezes tudo o que queria era um dia de folga. "Eu lembro que eu pedia uma segunda-feira pro meu pai para ficar em casa. Pelo amor de Deus, eu preciso! Pô, um moleque de 15 anos formando cabeça", conta ao Yahoo Entrevista.

O mais velho, Kiko, faz graça: "Moleque de 15 anos cheio de dinheiro, mulheres, tudo à vontade e a gente reclamava ainda". Mas, brincadeiras à parte, eles apontam que esse ritmo de trabalho pesou.

"Acho que o natural foi mesmo a gente ir tirando o pé aos poucos, até a hora que chegou o momento que a gente falou: 'opa!'", lembra Bruno.

Longe dos palcos, cada um foi trilhar seu caminho. Kiko e Leandro se envolveram na política — o primeiro se candidatou a vereador por São Paulo, mas teve a candidatura indeferida, e o segundo chegou a assumir como suplente de deputado estadual, em 2012, e passou cerca de dois anos na Assembleia Legislativa de São Paulo. Como lembra Kiko, o irmão “resolveu abrir mão depois, conseguiu fazer muitas coisas, se frustrou em outras”. A motivação principal deles para entrar na vida partidária foi a Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) da Pedofilia.

Já Bruno deu um passo a mais em outra paixão dos irmãos: o esporte. Com as atividades do trio suspensas, o caçula chegou a competir como profissional no MMA.

"Quando a gente parou… Assim, eu sempre treinei artes marciais. Treinava já com vários profissionais, então eu me dediquei bastante nesse meio", conta, ao lembrar que sua breve passagem como competidor profissional foi vitoriosa. "Soube parar. Parei invicto".

Paralelo a isso, ele também mantém um projeto solo de música eletrônica. O artista pode ser ouvido nos agregadores pelo nome artístico Bruno Scorn.

Assista à entrevista completa:

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos