“Eu não consegui mais respirar”, diz Joelma sobre covid

·1 minuto de leitura
Joelma no
Joelma no "Altas Horas". Foto: reprodução/TV Globo

De volta ao trabalho, a cantora Joelma que acaba de lançar o novo clipe da música ‘Sim’, deu entrevista ao canal de Roger Turchetti no Youtube e revelou que após ter sido contaminada por covid pela segunda – a paranaense contraiu o vírus pela primeira em agosto do ano passado – se recusou a ficar internada.

“Eu não fui internada porque me recusei a ir para o hospital, porque eu não conseguia respirar pelo nariz. Morrer no hospital ou morrer aqui, eu prefiro morrer aqui. Eles queriam me entubar, eu disse que não iria”, conta ela, que sofreu bastante com a doença. “Queda de cabelo, perda de memória, afetou a minha audição, a minha visão, eu inchei demais, minha energia despencou. É um negócio que você não consegue levantar da cama”, revelou ela, que também teve perda de olfato e paladar. Sobre sua recuperação, Joelma acredita que a fé em Deus a salvou. “A minha fé em Deus, com certeza”.

Leia também:

“Quando eu peguei covid fiquei muito fraca, eu não conseguia nem falar, não conseguia achar o tom, imagina cantar, as sequelas foram sérias demais. Quando eu peguei novamente pensei em cancelar a gravação do clipe, mas eu disse não, nem que seja a última coisa que eu faça”, afirmou categoricamente durante a entrevista.

Em recuperação, a cantora disse que ainda sofre com as sequelas, principalmente com os inchaços. “Agora eu estou bem menos inchada, porque encontramos mais ou menos o que estava causando isso, foram muitos exames e tudo mais. Eu ainda não consigo malhar 100% como eu malhava, né? Mas estou chegando lá. Eu chego lá. Enquanto eu não chegar, não desisto”, conclui.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos