Estilista Alber Elbaz morre aos 59 anos

·1 minuto de leitura
O estilista Alber Elbaz após defile em Paris, em 27 de setembro de 2012

Alber Elbaz, o estilista audacioso cujas criações fizeram da famosa casa de moda francesa Lanvin mais uma vez uma referência da indústria antes de sua destituição em 2015, morreu aos 59 anos, informou neste domingo (25) o grupo de luxo Richemont.

"Foi com surpresa e grande tristeza que soube da morte repentina de Alber", declarou em comunicado o presidente do grupo Richemont, Johann Ruper. A causa da morte não foi divulgada.

Elbaz, um israelense nascido em Marrocos, trouxe o brilho de volta à Lanvin durante seus 14 anos à frente da marca de alta costura mais antiga da França, dando à alfaiataria clássica um toque mais lúdico.

Ele também conquistou fãs por seu comportamento afável, que o destacou em uma indústria onde reinam egos e personalidades complexas.

Mas, foi demitido sem cerimônia como diretor criativo da marca em outubro de 2015, supostamente após um enfrentamento com o acionista majoritário da Lanvin, o bilionário chinês Shaw-Lan Wang.

Após algumas colaborações com colegas, em 2019 foi contratado pelo grupo de luxo suíço Richemont.

adm-may/js/wdb/age/zm/mr