Esposa de André detona Record e reclama de racismo em atividade de 'A Fazenda': 'Constrangidos'

Drika Marinho, esposa de André Marinho, não gostou da última dinâmica da "Hora do Faro" que acontece semanalmente em "A Fazenda". Nas redes sociais, Drika usou seu espaço para repudiar a atividade que usou a foto de André em um quadro que retrata sobre a escravidão. Na dinâmica, os eliminados da semana, incluindo Deborah que prometeu processar Deolane, os peões tinham que escolher uma das obras de arte para avaliarem e cada obra tinha a foto de um peão.

"Hoje vocês vão participar, literalmente, de uma exposição de quadros muito famosa. Então, eu anuncio que o nosso museu da discórdia está oficialmente reaberto com novas aquisições artísticas. Obras valiosíssimas, obras de cair o queixo", disse Rodrigo Faro.

Na vez de André saber qual era sua obra de arte, Faro, que já tinha dado uma bronca nos participantes recentemente, disse: "Mais uma obra riquíssima, agora uma obra nacional, olha lá: 'O Lavrador de Café'. Agora é Candido Portinari, ele representa o trabalhador brasileiro, o trabalhador rural. Gostou, André?".

"Sim, gostei, gostei, gostei. Sensacional! Eu tô mais forte ali, hein? Tô mais forte", disse André, aos risos. "Tu tá com um pezão inacreditável, olha lá", apontou Faro em tom de brincadeira.

Drika Marinho criticou produção da Record por quadro que retrata escravidão

Após a repercussão da atividade, a esposa...

Veja mais


Veja também

'A Fazenda 2022': Iran sugere 'quebrar coisas', detona Record e ensina Thomaz a brigar
Vai ter expulsão em 'A Fazenda 2022'? Thomaz acusa Bia de agressão e reclama da Record
'A Fazenda 2022': participante cotada para o programa detona produção da Record. 'Os bispos me barram'