Especialista indica conselhos para driblar o vício em celular

Reprodução/Pixabay PublicDomainPictures

Em tempos modernos, é praticamente impossível ficar longe de nossos aparelhos celulares. Seja para organizar nossa rotina profissional ou para diversão nas redes sociais, estamos sempre conectados e de acordo com um estudo recente, um cidadão inglês checa o celular cerca de 33 vezes ao dia enquanto os adolescentes, 90 vezes.

Leia mais: Lençol incendiado alerta para perigo de dormir perto do carregador de celular

Já te mostramos que esse vício está afetando a maneira como criamos nossas memórias e uma autora acaba de sugerir algumas dicas para tentar se livrar desse hábito. Catherine Price escreveu um livro sobre como ter a vida normal de volta sem deixar que o celular tome conta de nossa rotina.

Intitulado Break Up With Your Phone: The 30-Day Plan to Take Back Your Life (Termine Com Seu Celular: Um Plano de 30 Dias Para Trazer Sua Vida de Volta, em tradução livre), o livro traz algumas ferramentas simples para criar uma relação saudável com os aparelhos.

A primeira delas é estabelecer limites e se tornar mais consciente de quantas vezes você usa seu telefone. Catherine sugere baixar aplicativos que monitoram quando e quanto tempo você gasta em seu celular para ajudar se tornar uma pessoa mais controlada.

Leia mais: Usar o celular no banheiro pode causar doenças, alerta medicina

Outra dica é determinar períodos para ficar longe do telefone, como desligá-lo por 30 minutos ao dia, por exemplo, ou deixá-lo em casa quando sair para uma caminhada. Outra maneira indicada por ela é escolher lugares onde o telefone deve ficar longe, como seu quarto, já que estudos comprovam que a ausência do aparelho melhora o sono.

Opte também por um despertador ao invés de usar o alarme do celular para te ajudar nesse período de adaptação. E por fim, desligue todas as notificações das redes sociais ou mantenha o aparelho em modo avião para evitar a tentação.