Especial de 'Parks and Recreation' arrecada US$ 2,8 mi para causa da Covid-19

JÉSSICA NAKAMURA

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - Na última quinta-feira (29), os fãs de "Parks and Recreation" tiveram a oportunidade de matar as saudades da série -e, de quebra, ainda fazer o bem. Segundo a Variety, o episódio especial que reuniu o elenco arrecadou US$ 2,8 milhões (o equivalente a mais de R$ 15 milhões) para o Feeding America ("Alimentando a América", em tradução livre), fundo de auxílio aos atingidos pela Covid-19.

Gravado com celulares da casa de cada um dos atores, o episódio de meia hora acompanha a personagem Leslie Knope, interpretada por Amy Poehler, enquanto ela retoma contato por videoconferência com seus antigos colegas de trabalho para ver como estão lidando com o isolamento social mostrando também como suas vidas andaram desde o fim da sétima temporada, em 2015.

Além de Amy, os atores Rashida Jones, Aziz Ansari, Nick Offerman, Aubrey Plaza, Chris Pratt, Adam Scott, Rob Lowe, Jim O'Heir, Retta e Ben Schwartz voltaram a dar vida a seus personagens na série para o especial beneficente, que direcionou os espectadores para os sites do Feeding America e do Instituto de Saúde Mental. As doações até R$ 500 mil dólares foram igualadas pela NBC Universal, que exibiu a série de 2009 a 2015, e por elenco, roteiristas, produtores, elenco e anunciantes.

"Nunca imaginei que faríamos isso por causa do fim particular que a série teve", disse Scott, que interpreta Ben Wyatt. "Mas essa é essencialmente a única circunstância que permitiria uma reunião do 'Parks': ajudar as pessoas. Faz sentido tanto emocional quanto criativamente".