Entrevista de Oprah Winfrey com Harry e Meghan é indicada ao Emmy

·2 minuto de leitura

A entrevista explosiva concedida pelo Príncipe Harry e Meghan Markle a Oprah Winfrey foi indicada ao Emmy.

O encontro com o casal real, que despertou discussões sobre o futuro da monarquia, foi indicado ao prêmio de Melhor Série ou Especial Informativo.

Leia também 

Os prêmios Emmy reconhecem as produções de excelência na televisão dos Estados Unidos.

Caso a entrevista ganhe o prêmio, os grandes vitoriosos serão a apresentadora e a equipe de produção do programa, mais do que o Duque e a Duquesa de Sussex.

Na mesma categoria de séries ou especiais informativos, estão concorrendo O Próximo Convidado Dispensa Apresentações com David Letterman, Stanley Tucci: Searching For Italy, United Shades Of America, com W. Kamau Bell e a série documental Vice.

No especial da CBS, em março deste ano, Harry, 36, e Meghan, 39, contaram por que decidiram deixar suas funções na família real, revelando que enfrentaram problemas de saúde mental e acusando a realeza de omissão.

<p>A família real britânica passou por sua maior crise recente em 2021,<a href=
"Naqueles meses, quando eu estava grávida, havia preocupações e conversas sobre o quão escura sua pele poderia ser quando ele nasceu", desabafou. Harry, entretanto, se recusou a dizer qual membro da realeza deu a declaração. "Essa conversa, eu nunca vou compartilhar. Na época foi estranho, fiquei um pouco chocado", explicou. Mesmo após a ruptura, Harry retornou ao Reino Unido para o enterro do príncipe Philip, seu avô.

Meghan afirmou que teve pensamentos suicidas e que foi desaconselhada a buscar ajuda. Harry, por sua vez, disse que se sentiu abandonado pelo pai, o príncipe Charles, que deixou de atender às suas ligações.

Os dois mencionaram uma conversa que Harry teve com um membro da família sobre a cor da pele do bebê que estava a caminho, indicando que havia uma preocupação com "o nível de branquitude". Diante dessa declaração, o príncipe William teve que explicar que a família real "não é nem um pouco racista".

Em uma declaração após a veiculação do programa, a Rainha afirmou que estava "entristecida" com as experiências relatadas, mas acrescentou que "cada pessoa se lembra das coisas de um jeito", no que diz respeito a algumas das alegações.

A entrevista concedida a Oprah Winfrey e as entrevistas posteriores conduzidas por Harry não ajudaram a atenuar a briga entre o casal e o resto da família.

Quando voltou ao Reino Unido para o funeral do avô, Harry passou a cerimônia isolado, por causa das restrições impostas pela Covid, mas depois conversou rapidamente com William e Kate.

No dia 1.° de julho, durante a inauguração da estátua da mãe no Palácio de Kensington, os dois irmãos pareciam mais à vontade juntos, mas Harry foi embora apenas 20 minutos após o término da cerimônia.

A 73.ª edição do Emmy será realizada no dia 19 de setembro.

(Front L-R) Britain's Queen Elizabeth, Prince Philip, Prince Harry, Prince William, the Duke of Cambridge and his wife, Catherine, the Duchess of Cambridge share a light moment as they stand on the balcony of Buckingham Palace in the annual Trooping of the Colour ceremony to celebrate the Queen's official birthday in central London, June 14, 2014. REUTERS/Toby Melville (BRITAIN - Tags: SOCIETY ANNIVERSARY ROYALS)
(Reprodução: SOCIETY ANNIVERSARY ROYALS)
Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos