Em meio à pandemia de coronavírus, Sandra Annenberg recusa abraço de fã

***ARQUIVO 07.08.2017*** SÃO PAULO, SP, 20.01.16: A jornalista Sandra Annenberg. (Foto: Marcus Leoni/Folhapress)

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - Sandra Annenberg, 51, precisou, pela primeira vez, recusar o abraço de uma fã. Por causa da atual pandemia de coronavírus, que começa a apresentar aumento dos casos no Brasil, a jornalista está evitando o contato físico com as pessoas.

Para explicar a situação, ela publicou um vídeo em suas redes sociais, em que lamentou o ocorrido, mas reforçou a importância de adotar medidas preventivas contra o covid-19.

"Hoje pela primeira vez eu neguei um abraço", diz ela. "Uma senhora veio vindo na minha direção e disse 'Sandra Annenberg, me dá uma braço'. E eu disse 'não, desculpe'. Agora a gente precisa manter a calma e tomar atitudes responsáveis, por isso eu peço a todos que se cuidem."

"O básico a gente já sabe: não dar aperto de mão, nem abraço, nem beijo. Na hora de tossir ou de espirrar, use o braço, lave as mãos com sabão frequentemente, use álcool em gel, não leve a mão ao rosto. E quando tudo isso passar, nós voltaremos a dar aquele abraço apertado. Por enquanto, fica aqui o meu abraço virtual e o meu desejo de saúde pra todo mundo", finalizou.

Em resposta, diversos fãs mandaram "abraços virtuais" à jornalista nos comentários da publicação, fazendo elogios por sua iniciativa.