Elton John tem diagnóstico de Covid e adia as datas da turnê nos EUA

  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
·1 min de leitura
Elton John durante show em Nova Orleans
Neste artigo:
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.

LONDRES (Reuters) - O cantor e compositor britânico Elton John anunciou que está com Covid-19, o que o levou a adiar alguns shows nos Estados Unidos, embora tenha afirmado que seus sintomas são leves e que espera poder retomar sua turnê de despedida no fim de semana.

O cantor de sucessos como "Rocket Man" e "Tiny Dancer" reiniciou sua turnê "Farewell Yellow Brick Road" na semana passada, retornando ao palco em Nova Orleans depois de um hiato de quase dois anos.

John disse que remarcaria os shows adiados em Dallas esta semana, mas esperava se recuperar a tempo para os shows no Arkansas no fim de semana.

"Lamento muito a qualquer um que tenha sido incomodado por isto, mas quero me manter a mim e à minha equipe segura", disse ele em um stories no Instagram. "Felizmente, estou totalmente vacinado e reforçado, e meus sintomas são leves."

Marcando sua aposentadoria de sua performances na estrada, a turnê global de John começou em setembro de 2018. Como outros músicos, ele foi obrigado a interromper os shows ao vivo devido à pandemia da Covid-19.

Em setembro ele anunciou que estava adiando as datas da turnê europeia devido a problemas no quadril.

John, que tem uma carreira musical de mais de 50 anos, deve se apresentar em toda a América do Norte até abril. Sua turnê o levará então para a Europa e de volta à América do Norte antes de tocar na Austrália e Nova Zelândia no próximo ano.

Ele deve concluir a turnê na Europa em 2023.

(Reportagem de Alistair Smout)

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos