Elon Musk é acusado de transfobia

Marcus Couto
·1 minuto de leitura
Elon Musk. (Foto: Hannibal Hanschke/Pool via AP)
Elon Musk. (Foto: Hannibal Hanschke/Pool via AP)

O CEO e cofundador da Tesla, Elon Musk, voltou a causar polêmica com uma mensagem publicada em seu perfil pessoal no Twitter. Dessa vez, a mensagem foi vista como um ataque pela comunidade de suporte às pessoas transexuais.

Baixe o app do Yahoo Mail em menos de 1 min e receba todos os seus emails em 1 só lugar

Siga o Yahoo Finanças no Google News

Musk publicou um meme que mostra um desenho de um soldado ensanguentado, com a legenda: “quando você escreve ‘ele’ em sua bio”.

Leia também:

O comentário foi visto como um ataque de Musk a uma prática comum da comunidade trans para diminuir a discriminação e o preconceito nas redes sociais.

O grupo de apoio à causa LGBTQIA+ HRC afirmou em entrevista à rede CNBC que o comentário de Musk foi “insensível” e que ele deveria se desculpar.

Mas Musk minimizou o seu comentário. Disse, em seguida às críticas:

“Eu apoio totalmente as pessoas trans, mas esses pronomes são um pesadelo estético.”

Assine agora a newsletter Yahoo em 3 Minutos

Siga o Yahoo Finanças no Instagram, Facebook, Twitter e YouTube