Elisa Lucinda pede perdão após duvidar de celibato do padre Fábio de Melo: "Errei"

  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
·1 min de leitura
Neste artigo:
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
Elisa Lucinda. Foto: reprodução/Instagram/elisalucinda
Elisa Lucinda. Foto: reprodução/Instagram/elisalucinda

Resumo da notícia

  • Elisa Lucinda pediu perdão após duvidar do celibato do padre Fábio de Melo

  • Atriz usou as redes sociais para dizer que errou em julgar o religioso

  • Apesar da polêmica, ela garantiu que os dois conversaram e "está tudo bem"

A atriz Elisa Lucinda publicou um pedido de desculpas após ter declarado que "não acreditava" no celibato do padre Fábio de Melo. Na última sexta-feira (29), a atriz e cantora declarou que errou em julgar previamente o religioso e afirmou que está tudo bem entre eles.

"Perdão. Não quero guerra. Ainda mais com este padre que tem uma pregação do evangelho tão libertadora", escreveu ela no Instagram.

Leia também:

No post, ela exibiu um texto escrito por ela no Twitter, em que explicou sua intenção ao fazer o comentário que dividiu opiniões e lhe rendeu várias críticas.

"Só pra não deixar mais dúvidas: errei em julgar previamente nosso querido padre Fábio de Mello.Ainda que eu seja uma crítica do celibato como regra. Tenho conversado pessoalmente com ele e está tudo bem. Combinamos um café", disse.

Os comentários de Elisa que deram origem à polêmica foram feitos em relação a uma foto do padre Fábio de Melo na última terça-feira (26). "Estou te achando muito 'boy' e sedutor. Sou contra o celibato. Com todo respeito que te tenho, não acredito no teu. E concordo", escreveu, na ocasião.

Após a repercussão, ela chegou a gravar um vídeo para se explicar. "Não foi legal ter falado que não acredito no celibato dele porque ficou parecendo que eu estava falando de algo que não sei, da intimidade da pessoa... Peço desculpas por isso", acrescentou.

A atriz alegou ainda que cresceu na na Igreja Católica e não teve a intenção de publicar uma mensagem de ódio. Além disso, pontuou que cultiva uma amizade com Fábio de Melo. "Ele sempre vai às minhas peças, nós nos relacionamos como artistas, cidadãos e pensadores do mesmo tempo", acrescentou.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos