É preciso elogiar a gestão do Bragantino, mas não podemos fazer grandes cobranças