Drew Barrymore diz que acreditava que ET era real em 'E.T., o Extraterrestre'

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - A atriz Drew Barrymore, 47, relembrou os bastidores do clássico "E.T., o Extraterrestre" (1982) e contou que realmente acreditava que o ser de outro planeta existia. Na época em que o filme foi gravado, ela tinha apenas 7 anos e afirmou que sentia muito carinho pelo personagem.

"Eu achava que ele era de verdade. Eu realmente amava ele de um jeito tão profundo. Eu ia e levava almoço para ele", contou em seu programa de entrevistas The Drew Barrymore Show. Na edição, ela havia convidado colegas de elenco da atração para comemorar os 40 anos do longa.

No programa estavam Henry Thomas, Dee Wallace e Robert McNaughton. Após a declaração da artista, Wallace ainda relembrou que o diretor do longa, Steven Spielberg, fez com que o extraterrestre realmente parecesse vivo, para continuar a imaginação de Barrymore.

"Encontramos você falando com o ET e falamos para o Steven. Então o Steven, a partir de então, colocou dois caras para 'manterem o ET vivo' para que, sempre que fosse falasse com ele, ele reagisse", contou a atriz que interpretava Mary Taylor no longa, a mãe de Barrymore.

A trama mostra a história de uma família americana com três filhos. Um dia, um deles, Elliot, descobre que há um ser de outro planeta escondido em seu quintal. O ET foi deixado para trás sem querer pela aeronave em que viajava e então precisa de ajuda para conseguir voltar para casa.