Donald Glover sobre os ensinamentos de 'O Rei Leão': ‘Não podemos ter sangue nas mãos’

Donald Glover e Simba (Foto: Kwaku Alston/Divulgação Disney)

Por Renan (@renan_botelho)

Um evento que mudou minha vida para sempre – define o ator Donald Glover, hoje com 35 anos, ao lembrar de quando era criança e foi assistir à ‘A Bela e a Fera’ com os amigos no cinema. Enquanto esperava a animação começar, ele se deparou com o trailer de um filme chamado ‘O Rei Leão’.

Já conhece o Instagram do Yahoo Vida e Estilo? Segue a gente!

“Nunca tinha visto um trailer como aquele, não tinha nenhuma fala. Era tanto mistério, pareceu tão importante. E foi apenas a introdução, que me permitiu imaginar e sonhar”, conta o americano em uma conversa com a imprensa em Nova York (EUA). Mal sabia o pequeno Donald que o tal filme se tornaria um dos maiores clássicos da Disney e que ele, anos depois, assumiria o papel do protagonista Simba no remake dirigido por Jon Favreau.

Leia também

Quando a versão completa do original finalmente estreou nos cinemas, em 1994, o ator teve suas expectativas correspondidas. “Fiquei muito impressionado. Lembro de ter chorado quando o pai dele morreu”, diz Donald, que em uma ironia cruel do destino acabou perdendo o próprio pai no final do ano passado, o que tornou a sua ligação com o tema principal de 'O Rei Leão', o ciclo da vida, ainda mais forte.

A relação de pai e filho, perder meu pai... Eu ouvi de um motorista de táxi uma vez, quando minha namorada estava grávida, que você ama mais o neto que o seu filho. Eu não entendi na época, mas hoje entendo perfeitamente. Você enxerga mais o ciclo, como ‘eu fiz minha parte’”, comenta o pai de dois meninos.

Ter filhos me deu uma perspectiva que nunca tive antes. Você vê as coisas que você não consegue mudar que vieram de você, como o temperamento e coisas pequenas, e as coisas que são completamente diferentes de você que estão ali , reflete.

Donald acredita que o filme será importante para os jovens entenderem a responsabilidade que eles possuem nos tribunais das redes sociais.

Jon faz um bom trabalho mostrando como nós estamos todos conectados, como o mundo se tornou tão pequeno com a tecnologia, em como nós não estamos nos comunicando com nós mesmos. É tão importante para as crianças entenderem isso. Quando você diz coisas na internet, isso afeta outros. Não importa se você goste ou não. Afeta em uma micro-escala, mas tudo que você faz tem um efeito mesmo quando você acha que não tem. A internet pode ser tóxica se você não percebe isso. Ele fez um ótimo trabalho contando o que é o ciclo da vida. É importante que quando voltarmos a ser grama, nós não tenhamos sangue nas nossas mãos, analisa.

Elenco negro

Donald Glover e LeVar Burton (Foto: Alberto E. Rodriguez/Getty Images for Disney)

Banhado em alta tecnologia, o novo 'O Rei Leão' também se destaca pelo elenco predominantemente negro que irá contar a história shakesperiana ambientada na África. Eu acho que diversidade é uma palavra que as pessoas usam muito, mas que o que ela fala é sobre a diversidade de ideias e perspectivas de diferentes partes do mundo. É legal ver representatividade. Estou feliz que tenham pessoas envolvidas com diferentes pensamentos e pontos de vistas. Mas todo mundo estava consciente da história, isso me impressionou mais”, diz.

E não se espante se Simba soar um pouco como a persona musical do ator, Childish Gambino, ao cantar 'I Just Can’t Wait to Be King'. O diretor deu total liberdade de criação para o elenco somar seus diferentes estilos aos seus respectivos personagens. “Você tem aquela ideia na cabeça por que você ouviu aquelas músicas milhões de vezes. Não achei que tinha que improvisar até que eu ouvi a versão da Beyoncé e falei ‘oh’. As pessoas vão para ver Beyoncé, então você tem que dar um pouco de Beyoncé, e também porque você não quer a mesma versão dos anos 90. Então, tive uma segunda chance e tentei fazer mais coisas”, comenta.

Donald parece tão impressionado com o resultado do remake como quando assistiu ao trailer original de 'O Rei Leão' na infância. Nunca vi nada como esse filme, Jon fez um bom trabalho e vai ser provavelmente ainda mais emocionante por conta do visual”, garante.

'O Rei Leão' estreia dia 18 de julho nos cinemas mundiais. Além de Donald Glover e Beyoncé, o elenco ainda conta com Seth Rogen, Billy Eichner, John Oliver e Chiwetel Ejiofor.