Dois pacientes morrem em incêndio na Santa Casa de BH; 931 estavam no prédio

Dois pacientes morrem após incêndio na Santa Casa de BH - Foto: Reprodução/Globo
Dois pacientes morrem após incêndio na Santa Casa de BH - Foto: Reprodução/Globo

Dois pacientes morreram durante um incêndio na Santa Casa de Belo Horizonte, ocorrido no fim da noite desta segunda-feira. O fogo atingiu o 10º andar da unidade de saúde. Os nomes das vítimas não haviam sido divulgados até a manhã desta terça-feira. De acordo com a assessoria de imprensa da Santa Casa, os mortos não sofreram queimaduras. Os corpo foram encaminhados para o Instituto Médico Legal (IML), onde serão realizados exames para determinar a causa dos óbitos. As informações são do g1.

O fogo se alastrou após, de acordo com o Corpo de Bombeiros, uma saída de oxigênio apresentar problemas num dos quartos do 10º andar. Novecentos e cinquenta pacientes tiveram que ser retirados da unidade de saúde e 15 foram transferidos para outros hospitais.

Enquanto o fogo era combatido, pacientes e funcionários ficaram em ruas próximas à Santa Casa. No início da madrugada desta terça-feira, as pessoas começaram a voltar para o prédio.

— Esse incêndio se iniciou no 10º andar, onde funciona a UTI desse hospital, e teria sido provocado, a princípio, devido a um vazamento de O2 (oxigênio) combinado com a pane, um colapso de um determinado equipamento. Imediatamente, as equipes do Corpo de Bombeiros realizaram o combate ao incêndio e evacuaram todo o hospital, especialmente aquelas pessoas que poderiam ser evacuadas naquele momento — disse o porta-voz do Corpo de Bombeiros, tenente Pedro Aihara, ao g1.

O Corpo de Bombeiros e a Defesa Civil de BH informaram que não houve danos estruturais no prédio da Santa Casa. No 10º andar da unidade, de acordo com Aihara, fica o Centro de Tratamento Intensivo (CTI), com pacientes graves. Segundo o oficial, as mortes ocorreram durante a transferência.

— O que a direção do hospital realiza neste momento é a investigação, esses corpos vão ser conduzidos ao IML para que possa ser verificado se o óbito foi em decorrência da transferência ou do próprio quadro de saúde que esses pacientes apresentavam — relatou o tenente ao g1.

O que diz a Santa Casa:

"Acerca do incêndio ocorrido na ala C do 10º andar da Santa Casa BH, a instituição informa que os pacientes foram remanejados e submetidos a uma avaliação pelo corpo assistencial. A área onde ocorreu o incêndio encontra-se interditada pelo Corpo de Bombeiros e Defesa Civil e as demais áreas voltaram ao seu funcionamento regular.

No momento do início do incêndio, haviam 931 pacientes internados. Os que se encontravam no 10º e 9º andares foram removidos, mas já estão retornando e recebendo a devida assistência. Foram registrados dois óbitos de pacientes que apresentavam quadro clínico grave. Os corpos estão sendo encaminhados para o Instituto Médico Legal (IML).

A Santa Casa BH agradece o trabalho realizado pela Polícia Militar de Minas Gerais, Corpo de Bombeiros Militar, Defesa Civil e Serviço de Atendimento Móvel de Urgência. Ressalta, ainda, o trabalho e a disposição dos funcionários e brigadistas da instituição".

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos