Diretora de "Mulher-Maravilha" detona filmes lançados no streaming

·2 minuto de leitura
SAN DIEGO, CA - JULY 21:  Patty Jenkins walks onstage at the Warner Bros. 'Wonder Woman 1984' theatrical panel during Comic-Con International 2018 at San Diego Convention Center on July 21, 2018 in San Diego, California.  (Photo by Kevin Winter/Getty Images)
Patty Jenkins fala durante a Comic-Con San Diego, em 2018 (Foto de Kevin Winter/Getty Images)

Resumo da notícia:

  • Patty Jenkins não gostou de ver o seu filme 'Mulher-Maravilha 1984' (2020) ser lançado diretamente no streaming

  • "Foi uma experiência de partir o coração e extremamente prejudicial par ao filme", disse ela

  • A diretora ainda afirmou que filmes lançados no streaming "parecem falsos"

Patty Jenkins não gostou de ver o seu filme 'Mulher-Maravilha 1984' (2020) ser lançado simultaneamente nas salas de cinema e no streaming no ano passado por causa da pandemia do novo coronavírus. Em depoimento no CinemaCon, a diretora refletiu sobre a decisão da Warner Bros.

"Foi a melhor escolha de um monte de escolhas muito ruins no momento. Foi uma experiência de partir o coração e foi extremamente prejudicial para o filme, e eu meio que sabia que isso poderia acontecer", disse ela.

Leia também:

"A verdade é que faço filmes para as telonas. Eu não ligo se as pessoas veem [as obras] pela segunda ou terceira vez em seus celulares, mas não estou fazendo isso para essa experiência", completou.

Jenkins, confirmada no comando do terceiro filme solo da Mulher-Maravilha, revelou que espera nunca mais lançar um filme com a mesma estratégia. "Adoro a experiência de cinema e não entendo por que estamos falando em jogá-la fora por 700 serviços de streaming para os quais não há espaço no mercado", contou.

Baixe o app do Yahoo Mail em menos de 1 min e receba todos os seus emails em 1 só lugar

Siga o Yahoo Vida e Estilo no Google News

Para a diretora, os filmes lançados diretamente no streaming são esquecíveis. "Todos os filmes que os serviços de streaming estão lançando, sinto muito, mas eles parecem filmes falsos para mim. Não ouço falar deles, não leio sobre eles. Não está funcionando como um modelo para estabelecer uma grandeza lendária", analisou.

"O streaming é ótimo para grandes quantidades de conteúdo e para maratonas de programas de TV", avaliou. "Acho que são dois conjuntos de habilidades muito diferentes e os vejo tendo sucesso como duas coisas muito diferentes. É por isso que acho um erro da indústria cinematográfica jogar fora algo tão valioso", finalizou.

Ouça o Pod Assistir, podcast de filmes e séries do Yahoo:

Este conteúdo não está disponível devido às suas preferências de privacidade.
Para vê-los, atualize suas configurações aqui.
Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos