Dimitra Vulcana: drag dá show ao explicar política no Youtube

Danilo Lima, 33, tornou-se Dimitra Vulcana antes mesmo de pensar em se montar. O doutor em ciências da saúde criou sua drag queen em um podcast que participava sobre o reality show RuPaul's Drag Race.

De 2007, quando era fã de carteirinha do programa, até 2017, quando começou a se maquiar, foi-se uma década. "Quando eu pensei na Dimitra e eu ficava assim comigo: 'eu não tenho o costume de ficar indo em boate constantemente, fazendo shows', apesar de ter dançado balé boa parte da minha vida", conta.

Veja também

O desejo foi instrumentalizado em 2018, quando decidiu criar o seu canal de Youtube, Doutora Drag. Com mais de 30 mil seguidores, Dimitra fala sobre capitalismo, política e economia no momento mais mais polarizado do Brasil.

"É muito incômodo a gente não entender as coisas. É muito estranho você ver uma série de coisas muito sérias acontecendo com os brasileiros e você não saber porque, como entender, porquê chegamos ali, porquê estamos nesse patamar de problemas com a democracia", explica.

Baixe o app do Yahoo Mail em menos de 1 min e receba todos os seus emails em 1 só lugar

Siga o Yahoo Vida e Estilo no Google News

As pautas sempre tentar trazer um tom divertido para temas sérios, como comparar personagens de Harry Potter com figuras da política brasileira.

As informações contidas no vídeo, entretanto, possuem muito estudo e embasamento: os roteiros de Dimitra são pautados na própria curva de aprendizado de Danilo, como o próprio gosta de enfatizar. "Se eu tô estudando feminismo acaba que transpõe pro conteúdo. O que eu vejo na mudança ao longo dos anos que eu fui apresentando... A gente vai sentindo uma responsabilidade maior pra poder fazer as coisas, então eu sinto que eu reflito muito antes de fazer um vídeo."

Posicionamento de esquerda

No Twitter, onde tem 48 mil seguidores, Danilo se descreve como "militante ecossocialista", mas garante que isso não fecha portas em seu público.

"A Dimitra conversando com as LGBTs em geral – não as LGBTs do campo político – acaba que tem uma abertura. Você pega pra mostrar, por exemplo, como que funciona conceitualmente as questões de identidade e como até o próprio capitalismo utiliza a identidade pra subverter e seguir com o seu projeto. E aí acaba que entre LGBTs eu acho super tranquilo", afirma.

A série "Agora Ela Foi Longe Demais"

A nova série em vídeo do Yahoo traz perfis de drags influencers que vão além do que as pessoas esperam das drags, como perfomances na música e dança. Elas ainda utilizam sua influência para tratar de temas importantes, como aceitação, educação, política e mais.

O nome é inspirado no meme que ironiza os críticos da cantora Pabllo Vittar.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos