Vai se casar? Confira 5 dicas essenciais para organizar um casamento

Casamento é um evento que requer planejamento (Getty Images)

Depois do nervosismo que acompanha o tão esperado pedido de casamento, vem o momento de pensar na fase mais complexa e também prazerosa para alguns casais: planejar o casamento. Para muita gente, é um período de tensão e correria, mas toda essa ansiedade é natural porque o casamento é um dos mais importantes ritos de passagem na vida de muita gente, uma instituição que sobrevive ao passar dos tempos e se adapta à modernidade. 

Já conhece o Instagram do Yahoo Vida e Estilo? Siga a gente!

Leia também

Para que tudo seja tão lindo na prática quanto nos seus sonhos, é importante ter em mente que o casamento perfeito requer muito trabalho, planejamento e organização. Para ajudar os casais a enfrentarem essa fase e realizar um belo casamento, separamos 5 dicas essenciais para quem vai se casar: 

1- Lista de casamento: afinal, quem devo convidar?

Decidir quem convidar ou não para o seu casamento é a parte mais importante do início da programação. Afinal, várias decisões vão se basear nessa lista, como :o seu orçamento, decisão do espaço para a festa, quantidade de docinhos, bebidas, entre outras coisas. Tudo isso depende de sua lista de convidados para o casamento, sabia? A lista é que determina grande parte dos planos de casamento e por isso, deve ser uma das decisões iniciais. 

2- O que escolher/reservar primeiro: igreja ou espaço de eventos?

Essa é outra decisão muito importante a ser tomada no início do planejamento. O casal deve escolher que tipo de casamento quer: se farão um casamento religioso em alguma igreja ou templo, se querem apenas a cerimônia civil, ou se desejam fazer tudo em um mesmo local. São decisões importantes para definir o seu casamento, para então, poder buscar igrejas e buffets. 

O ideal é procurar os espaços com um ano de antecedência, sendo que algumas igrejas são bem disputadas. Portanto, se quiser casar em algum local religioso, ele deve ser reservada primeiro. Mas se o local da festa é o mais concorrido, aí ele é o foco inicial. Lembre-se que é necessário conciliar a disponibilidade da igreja (independente da religião), do espaço de eventos e dos fornecedores. 

3- Escolher o dia da semana e o horário do casamento

Muitas vezes o casal já tem um mês definido para o casamento, mas só uma ideia de data. Mesmo assim, vale a pena ter alguns cuidados como: observar se a data não cai em um feriado, se coincide com eventos locais ou nacionais, como final de Copa, ou se é aniversário de alguém importante da família de um dos noivos (ex: 80 anos de um dos avós). Observe também os valores em diferentes datas, já que muitas vezes é mais econômico se casar na sexta ou no domingo do que sábado. Além disso, casamentos diurnos costumam ser mais em conta. 

4- Qual estilo quero para a minha festa?

Logo no começo do planejamento, é importante o casal pensar no estilo de casamento que querem. Mais formal ou informal? Um evento moderno, rústico ou clássico? Com algum tema específico? Lembre-se de pensar em tudo que remeta à história do casal, o estilo e as coisas que mais gostam. A festa e a cerimônia devem sempre refletir o jeito do casal, para que seja um momento único principalmente para os dois.

5- Preciso de assessora de casamento?

É necessário uma assessora de casamento? Depende da disponibilidade de tempo de se envolver com milhares de detalhes de um casamento. E, claro, do tamanho do evento e do bolso. Se for uma festa para poucas pessoas, o casal mesmo consegue organizar tudo. Mas, se for uma festa para 300 convidados realmente é bom ter uma ajuda profissional dedicada ao evento, enquanto os dois seguem a vida. A assessora de casamento é uma profissional que fica responsável pelo planejamento, organização e execução de todos os detalhes de um casamento, lidando inclusive com todos os fornecedores.