Dermocosméticos: o que são, tipos, benefícios e diferenças para os cosméticos

Mulher aplicando sérum no rosto enquanto olha para o espelho
Mulher aplicando sérum no rosto enquanto olha para o espelho

O que são dermocosméticos?

Os dermocosméticos são produtos usados nos cuidados da saúde e beleza da pele. Eles possuem ativos que agem nas camadas mais profundas da pele e são reconhecidos para o tratamento de questões específicas, como textura, hidratação, oleosidade, poros, manchas e rejuvenescimento.

A dermatologista Fabiana Seidl explica que, além da função de tratar, alguns dermocosméticos também atuam melhorando a cosmética da pele — o chamado efeito cinderela, com o objetivo de diminuir a flacidez e as rugas, mesmo que com efeitos momentâneos.

Diferença entre cosméticos e dermocosméticos

A principal diferença é que os dermocosméticos possuem ativos cientificamente comprovados que agem no tratamento de diversas questões da pele. “Já os cosméticos não necessariamente possuem ativos comprovados e agem mais na questão sensorial e na beleza, produzindo alterações momentâneas que vão produzir um efeito mais imediato, sem de fato tratar a pele”, explica a dermatologista.

Além disso, Fabiana aponta que os dermocosméticos possuem compostos capazes de penetrar mais profundamente na epiderme e na derme, enquanto os cosméticos agem na camada mais superficial da pele. “Para ser classificado como um dermocosmético, o produto precisa passar pela avaliação da ANVISA e apresentar estudos científicos que comprovem a sua eficácia no tratamento e/ou na prevenção de doenças e problemas da pele”, acrescenta.

...

Veja mais


Veja também

Acne: o que é, tratamentos e remédios
Rosácea: o que é, sintomas, causas e tratamento
Peptídeos para a pele: entenda para que servem e seus benefícios
Tendência de skincare: 5 produtos para praticar o skin cycling
Uso de telas envelhece a pele? Conheça os danos da luz azul e como se proteger