Depois de Alcione, influenciadora Thaynara OG critica Bolsonaro por fala sobre nordestinos

***ARQUIVO*** SÃO PAULO, SP - 18.04.2018: Thaynara OG durante coletiva. (Foto: Fábio Guinalz /Fotoarena/Folhapress)

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - Depois de a cantora Alcione, 71, criticar Jair Bolsonaro por sua recente critica a governadores nordestinos, foi a vez da influenciadora digital e apresentadora Thaynara OG fazer o mesmo.

Já conhece o Instagram do Yahoo Vida e Estilo? Segue a gente!

Também maranhense, ela publicou uma foto e um texto nas redes sociais, neste sábado (20), pedindo respeito ao presidente.

Leia também

"O Nordeste merece respeito. É inadmissível que o presidente se dirija a nós, povo nordestino e maranhense, de forma discriminatória e ofensiva", escreveu.

"O Nordeste é rico pela diversidade da nossa gente, cultura, paisagens, sotaques e merece representantes que entendam o valor da nossa pluralidade e a urgência do nosso povo por cuidado, por saúde, por educação, por empregos e serviços públicos de qualidade."

"E que entendam que a missão de governar para todos os brasileiros exige seriedade e impessoalidade no trato com a coisa pública. A Paraíba, o Maranhão e os outros sete estados nordestinos são maiores que qualquer preconceito e ignorância. Desrespeitar o Nordeste é desrespeitar a história e o futuro do Brasil", finalizou.

As críticas acontecem após conversa polêmica de Bolsonaro com o ministro Onyx Lorenzoni (Casa Civil), vazada por um microfone posicionado perto dos dois em encontro com jornalistas.

No áudio, é possível detectar que o presidente usa a expressão pejorativa "governadores de Paraíba" para se referir aos governadores do Nordeste. Em seguida, afirma que "o pior [inaudível] o do Maranhão".

Depois, de maneira clara, afirma: "Não tem que ter nada para esse cara". O governador do Maranhão é Flávio Dino (PC do B).