Deolane manda indireta para Caio Castro: 'Pagar jantar não é sustentar mulher'

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - Deolane Bezerra, 34, mandou uma indireta nesta quarta-feira (27) ao ator Caio Castro, 33, após ele assumir que não gosta da ideia de sair com uma mulher e ela não se oferecer para dividir a conta de um restaurante. Para o galã da Globo, arcar com todas as despesas não é uma obrigação.

"Se tá ruim 'para mim', imagina para quem pensa que pagar um jantar é sustentar uma mulher", escreveu a influenciadora no Twitter, sem citar o nome do ator. A postagem dela dividiu internautas que a defendem e outros que disseram que ela não soube interpretar o texto do ator.

Parte dos internautas defenderam que os homens devem pagar a conta porque as mulheres gastam muito para ficarem bonitas. "A realidade é que as meninas gastaram o dobro do valor do jantar para irem belíssimas", justificou uma pessoa. "A mulher não tem que se oferecer nunca a dividir, até porque estar ali sentada tem todo um custo: unhas, cabelos, looks, bolsa, sapato. Onde já se viu, né?", escreveu outra usuária da rede social.

Outro internauta concordou com Caio Castro e lembrou dos direitos iguais para que os homens não paguem a conta do restaurante sozinhos . "Ele não disse que não faz, ele falou da obrigação social de ter que fazer! E errado ele não está", justificou.

Um usuário da rede social afirmou que Deolane não sabe interpretar texto. "Uma pessoa que estudou anos e anos não sabe interpretar o que o cara disse é sacanagem ou tá se fazendo de maluca."

Enquanto um internauta rebateu com o mesmo argumento de Deolane de que que pagar a conta não é sustentar uma pessoa, mas ser cavalheiro. "Eu acredito que se você convida, você paga, mas eu sou cis gay e o mesmo não vale para um casal cis hétero. Existe uma coisa chamada cavalheirismo, se ele acha isso antiquado, então ele que deixe isso claro antes de sair com alguma mulher."

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos