Deolane Bezerra, que apoia Lula, sugere que apreensão é perseguição política

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - Deolane Bezerra, influenciadora, advogada e DJ que faz sucesso nas redes sociais, sugeriu em publicações recentes no seu Instagram que estaria sofrendo perseguições políticas após ter sido alvo de buscas e apreensões pela Polícia Civil de São Paulo.

"Acabei de descer do avião e meu celular está estourado. Vou ver tudo que estão falando a meu respeito mais uma vez. É, Brasil, é sobre isso. Ter opinião política, ser verdadeira e trabalhar honestamente muitas vezes gera isso, né?", afirmou ela por meio de Stories publicados na plataforma nesta quinta-feira (14).

Bezerra se referia à ida de policiais à sua casa de Alphaville, em São Paulo, para a apreensão de bens como dois carros, uma Land Rover Discovery e um Porsche --estimado em cerca de R$ 1 milhão--, relógios da marca Rolex e uma agenda com anotações. A ação fez parte da investigação sobre a empresa de apostas esportivas digitais Betzord, suspeita de irregularidades financeiras, para a qual Bezerra já fez campanhas publicitárias.

A declaração de Bezerra associando o caso a suas opiniões políticas ocorre após ela ter declarado apoio a Lula nas eleições à Presidência, além de ter se encontrado com ele. Segundo a influenciadora, ela tem sofrido boicotes de empresas, que pedem que ela pare de publicar fotos com o candidato do Partido dos Trabalhadores, o PT.

De Felipe Neto a Deolane, influencers dizem que apoiar Lula tem prejudicado publis Além de Bezerra, outras personalidades públicas que se manifestaram a favor do candidato petista e contra Bolsonaro também relatam estar sofrendo prejuízos na internet. Empresária de Bezerra e agenciadora de celebridades nas redes sociais, Fátima Pissarra confirma a tese, afirmando que, entre seus clientes, os apoiadores do PT enfrentam mais dificuldades.

"Em geral, independentemente do segmento, quando a marca pede influenciadores que não exponham posicionamentos políticos, ela está se referindo a não contratar influenciadores que apoiam Lula. São pessoas que apoiam questões de sexualidade, de gênero, de raça", disse a empresária em entrevista ao jornal Folha de S.Paulo.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos