Denilson volta a cobrar dívida milionária de Belo e explica por que comprou o Soweto

Denilson voltou a cobrar dívida com Belo (Fotos: Divulgação Reprodução/Jogo Aberto)


O ex-jogador Denilson voltou a falar sobre a briga judicial com o cantor Belo. Durante o podcast 'Um assado para', do jornalista Duda Garbi, o comentarista foi perguntado se já havia recebido os valores que o artista o deve, e respondeu:

+ Ex-técnico do Flamengo prevê dificuldades caso Vítor Pereira vá para o clube: 'Um cara de duas palavras'

- Essa é uma pergunta muito boa, porque é sempre bom lembrar que ele está me devendo. E não tá me devendo pouco não. Tá me devendo ainda - disse Denilson, que foi questionado sobre o motivo de ter comprado o Soweto quando Belo estava próximo de sair.

- Ele não tava saindo, aí é que está o detalhe. Os caras estavam voando. Não tenho arrependimento nenhum de ter investido no Soweto, queria investir em algo que eu tinha o mínimo de conhecimento e de gosto. Amo pagode, ouço todos os dias - completou.

+ Críticas de Zico a Lionel Messi repercutem na imprensa argentina

Denilson comprou o Soweto há mais de 20 anos, por R$ 1 milhão, e tempo depois, Belo deixou o grupo para seguir carreira solo. O ex-jogador explicou que havia multa rescisória em caso de saída do vocalista, e entrou na Justiça alegando danos morais.

Desde então, os dois brigam na Justiça, que condenou Belo a pagar cerca de R$ 400 mil, há quase duas décadas. Belo tentou um contra-ataque em 2017, e processou Denilson em 2017, por danos morais, mas perdeu. Os valores corrigidos que o cantor deve ao ex-jogador já ultrapassam os R$ 5 milhões.