"Demon Slayer" torna-se o filme de maior bilheteria do Japão

·1 minuto de leitura
.

TÓQUIO (Reuters) - "Demon Slayer", a história animada de um menino lutando contra demônios comedores de humanos que assassinaram sua família, bateu um recorde de quase duas décadas para se tornar o filme de maior bilheteria do Japão, informou seu distribuidor nesta segunda-feira.

O filme, baseado em um mangá popular e uma série para televisão, ultrapassou "A Viagem de Chihiro", vencedor do Oscar de Hayao Miyazaki do Studio Ghibli, que estreou em 2001, em apenas um pouco mais de dois meses.

"Demon Slayer" arrecadou 32,47 bilhões de ienes em comparação com 31,68 bilhões de ienes para "A Viagem de Chihiro", de acordo com dados divulgados na segunda-feira.

O filme ganhou um estímulo inesperado com o novo coronavírus, disseram observadores da indústria cinematográfica.

As pessoas ficaram presas em casa por causa do distanciamento social, viciadas em mangás e séries de televisão e correram para assistir ao filme quando os cinemas reabriram.

O filme, com sua mensagem de resiliência, também gerou uma grande quantidade de mercadorias --de brinquedos a café enlatado-- gerando pelo menos 270 bilhões de ienes (2,61 bilhões de dólares) em negócios até 3 de dezembro, disse Toshihiro Nagahama, economista sênior do Dai-Ichi Life Research Institute.

A Sony Corp, cuja unidade de música é co-distribuidora, também ganhou impulso com o filme, que estreou em vários países asiáticos e seguirá para os Estados Unidos e Canadá logo após o Ano Novo.

(Reportagem de Elaine Lies)