Demissão, doença e morte da mãe: o mês de Faustão não foi nada fácil

·1 minuto de leitura
Faustão passou por semanas difíceis (Foto: Reprodução/Globo)
Faustão passou por semanas difíceis (Foto: Reprodução/Globo)

O mês de junho foi bem difícil para Faustão. O apresentador teve semanas marcadas por acontecimentos ruins e perdas significativas. Internautas se preocupam, afinal, Fausto é discreto e permanece longe das redes sociais. As informações costumam ser divulgadas por sua assessoria ou pela esposa, Luciana Cardoso, que tem um perfil ativo no Instagram com cerca de 280 mil seguidores.

Na segunda semana de junho, Faustão ficou internado para tratar uma infecção urinária. O que soou estranho é que em janeiro ele também foi visto no hospital por causa de uma retenção de líquido. No meio de tantas notícias ruins ainda há quem suspeite de alguma doença mais grave abafada.

Leia também:

Voltando a falar dos dias difíceis, assim que Faustão se recuperou da recente infecção, a Globo anunciou que o desligamento dele com a emissora seria antecipado. A informação chocou o público, pois já havia sido noticiado que Fausto permaneceria no 'Domingão' até dezembro. Outro ponto que rendeu discussões nas redes sociais foi o fato de o apresentador sair sem ter direito a uma despedida. 

Nesta quinta-feira (24), o clima ficou ainda mais pesado com a morte de Cordélia Silva, mãe do apresentador. A causa da morte ainda não foi divulgada, mas certamente deixou Faustão bem abalado. O artista era muito apegado e até chegou a fazer uma homenagem para a mãe no mês de novembro, quando ela completou 95 anos.

Faustão com a mãe, Cordélia Silva (Foto: Reprodução/Instagram)
Faustão com a mãe, Cordélia Silva (Foto: Reprodução/Instagram)
Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos