Demi Lovato anuncia aposentadoria dos palcos para cuidar da saúde

***ARQUIVO***SÃO PAULO, SP, 22.04.2014 - Show da cantora Demi Lovato no Citibank Hall, em São Paulo. (Foto: Avener Prado/Folhapress)
***ARQUIVO***SÃO PAULO, SP, 22.04.2014 - Show da cantora Demi Lovato no Citibank Hall, em São Paulo. (Foto: Avener Prado/Folhapress)

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - Dez dias após fazer um dos shows mais celebrados da última edição do Rock in Rio, a cantora Demi Lovato anunciou que pretende se aposentar dos palcos tão logo encerre sua nova turnê, "Holy Fvck", com repertório baseado em seu último álbum homônimo.

Em série de posts nos stories do Instagram, a artista postou fotos na janela do quarto de um hotel em Santiago, no Chile, durante a fase latino-americana da turnê, com frases como "eu estou doente para c...ralho, não consigo sair da cama. Não consigo mais fazer isso, essa próxima turnê será minha última. Eu amo e agradeço a todos vocês", escreveu antes de apagar as fotos.

De acordo com o site Deadline, a artista ainda postou outra série de stories em que dizia: "vou passar por isso por vocês, pessoal. Precisarei de ajuda para cantar, então cantem alto para mim". E numa foto nos bastidores, a cantora ainda escreveu "eu praticamente não tenho voz, então vou apontar muito o microfone para a plateia esta noite."

A turnê "Holy Fvck" teve início há exatamente um mês na cidade de Des Moines, capital do estado de Iowa, nos Estados Unidos, e teve uma passagem vitoriosa como um dos melhores shows do Rock in Rio.

Seu último álbum também foi bem recebido pela crítica, e mostrou uma cantora mais madura tanto na voz e no som mais pesado, longe do pop etéreo de seus trabalhos anteriores, quanto nos temas que decidiu abordar, como a crítica à religião e uma ode ao prazer feminino.

Ex-estrela mirim, Lovato iniciou a carreira no elenco da série "Barney e Seus Amigos" antes de se tornar uma das principais atrizes da Disney. A artista já relembrou momento traumáticos deste período, como quando foi estuprada por um funcionário do estúdio.

"O tempo pode realmente curar feridas, mas não todas. Com o passar do tempo, lidar com isso [estupro] ficou mais fácil. Mas ainda há uma tristeza profunda por alguém ter tirado a virgindade de mim quando eu era tão jovem", contou a atriz no podcast "Call Her Daddy".

A artista ainda trata distúrbios alimentares que a levaram a ser internada no começo da década passada, e trata de um diagnóstico de transtorno bipolar.