Dedé Santana lamenta saída de Renato Aragão da Globo: “Injustiça”

Dedé lamentou a saída de Didi da Globo (reprodução / instagram @dedesantanaoficial)

Dedé Santana, o eterno companheiro de palco de Renato Aragão, lamentou a saída do humorista da TV Globo após 44 anos de contrato. O também humorista e empresário não tem mais contrato com a vênus platinada do Jardim Botânico.

Baixe o app do Yahoo Mail em menos de 1 minuto e receba todos os seus e-mails em um só lugar

Siga o Yahoo Vida e Estilo no Google News

Siga o Yahoo Vida e Estilo no InstagramFacebook e Twitter, e aproveite para se logar e deixar aqui abaixo o seu comentário

“Eles não podiam ter feito isso com ele. Achei uma injustiça. Eu também tenho trabalhado por obra”, disse em entrevista ao colunista Fernando Oliveira nesta quarta-feira. Os dois fizeram história na TV e no cinema nos anos 80 e 90 ao lado de Zacarias e Mussum com ‘Os Trapalhões’.

Leia também

Santana ainda completou criticando a forma com a TV Globo tem encerrado contratos com profissionais que estão na casa há muitas décadas. “Eles poderiam renegociar o trabalho. Mas não dá para abrir mão de nomes como Renato Aragão e outros artistas que ajudaram a construir a emissora, como Tarcisio Meira. A Globo deveria nos dar um contrato vitalício”, afirma.

 Para o humorista ficam os bons momentos. “O Renato era uma cabeça pensante, me deu a oportunidade de dirigir alguns dos filmes dos Trapalhões. O que não soubemos na época em que falavam de briga foi administrar tudo. Mas sou muito grato a ele sempre”, completa.