Youtuber gera revolta com "dica" para professores: "Construam o próprio mercado"

·1 min de leitura

A influenciadora digital Danielle Noce virou alvo de críticas nesta quinta-feira (15) após uma “dica” sua para professores viralizar nas redes sociais.

Baixe o app do Yahoo Mail em menos de 1 minuto e receba todos os seus e-mails em um só lugar

Siga o Yahoo Vida e Estilo no Google News

Siga o Yahoo Vida e Estilo no Instagram, Facebook e Twitter

Ela, que também é empresária, perguntou aos seguidores em post no Instagram por que eles ainda não estão realizando seus objetivos. Um deles explicou seu caso e afirmou que os profissionais da educação não são valorizados pelo mercado. A resposta de Danielle para o usuário gerou revolta na internet.

Leia também

“Então construa o seu próprio mercado”, dispara a influenciadora. A declaração foi considerada polêmica por não levar em conta que é dever do Estado oferecer educação de qualidade aos cidadãos.

A influenciadora digital e empresária tem 37 anos (Foto: Reprodução/Instagram @nocedanielle)
A influenciadora digital e empresária tem 37 anos (Foto: Reprodução/Instagram @nocedanielle)

Internautas apontaram falta de empatia e ironizaram a sugestão. “Construa seu próprio mercado e explore outros, assim você não será explorado”, comenta um tuiteiro. “Como resolver a precarização da educação assim?”, questiona outro. Confira a publicação:

Declaração de Dani Noce gera polêmica nas redes sociais (Foto: Reprodução/Instagram @nocedanielle)
Declaração de Dani Noce gera polêmica nas redes sociais (Foto: Reprodução/Instagram @nocedanielle)

Danielle Noce é produtora de conteúdo desde 2011 e ganhou fama na internet por fazer receitas de confeitaria no YouTube. Ela e o marido, o empresário Paulo Cuenca, apresentaram o programa de culinária ‘Credo, Que Delícia’ no GNT.

Veja mais reações abaixo:

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos