Cyberpunk 2077: CD Projekt Red faz acordo em processo sobre o lançamento problemático do jogo

A CD Projekt Red resolveu outro processo sobre o lançamento bruto de Cyberpunk 2077 por US$ 1,85 milhão.

Conforme relatado pela GameSpot, o acordo fará com que a CD Projekt Red pague aos investidores que compraram ações entre 16 de janeiro de 2020 e 17 de dezembro de 2020, custos administrativos, impostos, honorários advocatícios e muito mais.

Os investidores entraram com a ação coletiva em 2020 e alegaram que a CD Projekt Red escondeu deles o estado do Cyberpunk 2077, depois que o game foi lançado com vários bugs que, pelo menos no console, o tornavam impossível de jogar para muitos.

Vários processos foram movidos contra a CD Projekt Red após o lançamento do jogo, um dos quais foi encerrado em dezembro de 2021 pelo mesmo valor de US$ 1,85 milhão .

Cyberpunk 2077 permaneceu repleto de bugs por vários meses e, como resultado, foi completamente removido da PlayStation Store, retornou apenas em junho de 2021. Desde então, a CD Projekt Red atualizou o jogo várias vezes, levando a um ressurgimento de sua base de jogadores e até mesmo ao prêmio "Feito Com Amor" do Steam no início de janeiro.

Os maiores saltos para o Cyberpunk 2077 sem dúvida começaram em fevereiro de 2022, com o lançamento da atualização de última geração, ou versão 1.5 para jogadores de PC, que teve várias correções de bugs e até mesmo DLC gratuito adicionado ao jogo.

Em setembro, a CD Projekt Red lançou a atualização Edgerunners para acompanhar o lançamento da série de anime (que foi elogiada por fãs e...

Cyberpunk 2077: CD Projekt Red faz acordo em processo sobre o lançamento problemático do jogo
Leia Mais

Steam Awards: Cyberpunk 2077 recebe prêmio de jogo 'Feito com Amor'
Quer jogar na Steam dentro do carro? Tesla X e S agora possuem integração total com plataforma
Elden Ring: Streamer derrota Malenia com um tapete de dança e um controle ao mesmo tempo