A cura para a calvície pode estar a caminho

Cientistas tiveram um grande avanço para a cura da calvície (Foto: Getty)

A queda de cabelo costuma ser uma grande preocupação para a confiança de qualquer um, mas infelizmente, os anos de pesquisa ainda não tiveram sucesso em descobrir a cura para a calvície.

Mas tudo isso está prestes a mudar.

Cientistas acreditam ter descoberto como reverter o processo da queda gradual de cabelo, ao recuperar com sucesso o cabelo da pele ferida.

A pesquisa, realizada pela Escola de Medicina de Nova Iorque e publicada no jornal Nature Communications, examinaram a pele danificada em ratos de laboratório, focando nas células chamadas de fibroblastos, que armazena o colágeno.

A equipe de pesquisadores ativou um atalho no cérebro, chamado de ouriço sônico, que é usado pelas células para se comunicarem umas com as outras.

O atalho é conhecido por ser muito ativo no útero, quando os folículos pilosos são geralmente formados, mas, por outro lado, fica parado na pele ferida de adultos saudáveis.

Ao iniciar a comunicação entre essas células em camundongos, o crescimento do pelo foi visto após quatro semanas, enquanto as raízes do cabelo e as estruturas do corpo começaram a aparecer após nove semanas.

Anteriormente, os cientistas afirmaram que a formação de cicatrizes e o colágeno na pele danificada estava por trás da incapacidade de regeneração do cabelo. Mas essa evidência pode sugerir o contrário.

O autor principal do estudo, Dra. Mayumi Ito, explicou que a pesquisa não é apenas um avanço para a pele ferida, mas a evidência é promissora na melhora do crescimento de cabelo em peles mais velhas.

E isso pode ajudar na busca de tratamentos aprimorados para restaurar o crescimento do cabelo.

“Nossa

“Agora sabemos que esse é um problema de sinalização de células que são muito ativas quanto ao desenvolvimento do útero, mas menos ativas à medida que envelhecemos”, disse ela ao Daily Mail.

“Nossos resultados mostram que uma estimulação dos fibroblastos através do atalho para o ouriço sônico pode desencadear o crescimento de cabelo, algo que ainda não tinha sido observado na cicatrização de feridas.”

A cura para a calvície já foi sugerida anteriormente

Essa não é a primeira vez que a cura em potencial para a calvície é destacado. No início do ano, pesquisadores revelaram que estavam a poucos passos de encontrar um tratamento para a calvície e tudo se resumia ao sândalo.

O Sandalore, que é um perfume artificial feito a partir do sândalo e muito usado em nossos perfumes e sabonetes, estimulou o crescimento de cabelo ao aumentar os níveis de queratina no couro cabeludo.

Os pesquisadores da Universidade de Manchester, que lideraram a pesquisa, descobriram que o sândalo pode estimular o crescimento do cabelo após 6 dias.

De acordo com estatísticas recentes, 40% dos homens costumam experimentar queda de cabelo a partir dos 35 anos.

Marie Claire Dorking