Croácia goleia de virada, entra na briga por vaga nas oitavas e tira chances do Canadá se classificar na Copa

Equipe europeia encara o Japão nas oitavas de final (Foto: Noushad Thekkayil/EFE)


A Croácia até passou por um momento de susto quando Alphonso Davies abriu o placar para o Canadá. Porém, com dois gols de Kramaric, um de Livaja e um de Majer, os croatas garantiram a virada por 4 a 1 neste domingo (27), em duelo no International Khalifa, em Doha, na segunda rodada do Grupo F da Copa do Mundo. O resultado levou os vice-campeões aos quatro pontos, para a liderança do Grupo F. Derrotados pela segunda vez, os canadenses não têm mais chances de classificação às oitavas de final.

A definição do Grupo F está marcada para quinta-feira, às 12h (de Brasília). À Croácia, basta um empate com a Bélgica, terceiro lugar com três pontos, no Estádio Ahmad Bin Ali. No mesmo horário, o Canadá recebe Marrocos, vice-líder com quatro pontos, mas com saldo de gols menor, no Estádio Al Thumama.

DAVIES FAZ GOL HISTÓRICO

Em menos de um minuto, a partida entrou para história. Buchanan avançou pela direita e cruzou para a área. Alphonso Davies subiu livre entre os zagueiros e, com uma cabeçada firme, marcou o primeiro gol canadense em edições de Copas do Mundo. O A seleção não marcou em sua campanha na Copa de 1986 e perdeu por 1 a 0 para a Bélgica em sua estreia.

O gol deste domingo (27) foi redentor para o camisa 19. Davies havia desperdiçado um pênalti contra a Bélgica no duelo anterior.

PERSEVERANTE, CROÁCIA VIRA O JOGO

A Croácia rapidamente equilibrou as ações. Enquanto o Canadá se retraía e apostava em avanços de Davies e Larín, os comandados de Zlatko Dalic rondavam a área adversária, com investidas de Kovacic, Sosa e Livaja.

A equipe do Leste Europeu chegou a comemorar quando Livaja abriu caminho e Kramaric arrancou livre até a rede. O gol foi anulado por impedimento, mas a torcida croata ainda teria muito a comemorar

Perisic esticou a jogada, e Kramaric bateu rasteiro, não dando chances a Borjan, aos 35. Oito minutos depois, Juranovic passou como quis pelo meio e encontrou Livaja. O camisa 14 chutou da meia-lua, virando o jogo aos 43.

CANADÁ RETOMA ÍMPETO

As alterações promovidas pelo técnico John Herdman fizeram o Canadá voltar do intervalo em nova voltagem. Koné tentou cabeçada, e Lovren rechaçou. Depois, Osorio aproveitou brecha e finalizou rente à trave de Livakovic.

GOLEADA CROATA DEFINIDA

Bem postada no contra-ataque, a Croácia recorria a lançamentos para manter o jogo franco e continuava a achar espaços. Modric cruzou e Kramaric desviou de primeira, mas Borjan salvou.

Após conseguirem conter o ímpeto canadense, os croatas ampliaram a vantagem. Perisic cruzou, e a bola parou nos pés de Kramaric. O camisa 9 se desvencilhou de Miller e finalizou no canto aos 24.

A equipe de Zlatko Dalic continuou a insistir. Perisic encontrou espaço e obrigou Borjan a espalmar. Na sobra, Kovacic serviu e Brovazic encheu o pé, mas o goleiro canadense defendeu outra vez.

A goleada foi concretizada nos acréscimos. Após um vacilo de Miller, Orsic passou como quis, entrou na área e serviu Majer, que encheu o pé aos 48, dando números finais ao jogo.

Este conteúdo não está disponível devido às suas preferências de privacidade.
Para vê-los, atualize suas configurações aqui.



FICHA TÉCNICA

CROÁCIA 4x1 CANADÁ

Data-Hora:
27 de novembro de 2022, às 13h (de Brasília)
Árbitro: Andrés Matonte (URU)
Assistentes: Nicolas Taran (URU) e Martin Soppi (URU)
VAR: Mauro Vigliano (ARG)

Cartões amarelos: Modric (CRO), Buchanan, Miller (CAN)

Gols: Davies, 1/1T (0-1), Kramaric, 35/1T (1-1), Livaja, 43/1T (2-1), Kramaric, 24/2T (3-1) e Majer, 46/2T (4-1).

CROÁCIA (Técnico: Zlatko Dalic)

Livakovic; Juranovic, Lovren, Gvardiol, Sosa; Brozovic (Majer, 40/2T), Modric (Pasalic, 40/2T) e Kovacic; Perisic (Orsic, 40/2T), Kramaric (Vlasic, 28/2T) e Livaja (Petkovic, 14/2T).


CANADÁ (Técnico: John Herdman)

Borjan; Johnston, Vitoria, Miller e Laryea (Hoilett, 16/2T); Hutchinson (Adegkube, 27/2T), Eustaquio (Koné, intervalo), Buchanan e Davies; Larin (Osorio, intervalo) e Jonathan David (Cavallini, 27/2T).