Crianças da Ásia recebem nomes de Lockdown, Covid e Corona

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - Parece que tem virado moda dar nomes relacionados ao coronavírus aos filhos em alguns países da Ásia.

De acordo com informações da France Presse, recém-nascidos têm recebido cada vez mais nomes diferentes porque os pais querem se lembrar do momento em que viviam daqui alguns anos.

A filipina Tabesa Hill deu à luz no dia 13 de abril na cidade de Bacolod e decidiu que o nome da bebê seria Covid Marie. A ideia dos pais era que o nome os fizesse recordar da época em que escaparam da transmissão da Covid-19".

Algumas mães indianas também quiseram "homenagear" os pequenos com os nomes relacionados à doença. Uma das bebês ganhou o nome de Corona Kumar e uma outra de Corona Kumari.

"Eu disse que ajudaria a sensibilizar [a população] sobre a doença e a acabar com os preconceitos a respeito. Para minha surpresa, aceitaram", confirmou o médico, S.F. Basha à publicação.

Já um casal de migrantes do nordeste da Índia no estado de Rajasthan optou pelo nome Lockdown para seu filho. Em inglês, a palavra quer dizer "confinamento".

"Nós demos o nome Lockdown para recordar todos os problemas que enfrentamos durante este período difícil", disse o pai à imprensa local.

Um casal indiano nomeou seus gêmeos recém-nascidos de Corona e Covid, segundo o portal de notícias Al Jazeera, do Catar. Os gêmeos, um menino e uma menina, nasceram em um hospital do governo na capital Raipur, do estado de Chhattisgarh, em 27 de março -dois dias depois que a quarentena entrou em vigor.

"O parto aconteceu depois de enfrentarmos várias dificuldades e, portanto, meu marido e eu queríamos tornar o dia memorável", disse Preeti Verma, mãe de gêmeos, à agência de notícias Press Trust da Índia.