Creed 3: Estreia bate recorde de bilheteria da franquia

No final de semana de estreia, Creed 3 colocou Homem-Formiga e a Vespa: Quantumania para escanteio e causou uma queda de 61% no terceiro final de semana do filme. Mas o que é ruim para uns pode bom para outros, e para a franquia de Creed foi muito bom.

O terceiro filme da saga de Adonis Creed teve a maior bilheteria de estreia, com uma receita de US$ 58,7 milhões só nos Estados Unidos. Em termos globais, a arrecadação foi de US$ 41,8 milhões, o que totalizou uma receita de US$ 100,5 milhões. Isso fez com que Creed 3 se tornasse a terceira maior bilheteria do ano até agora, segundo a Box Office Mojo.

 
Imagem: Warner Bros.

Além de superar as expectativas da Warner Bros. -- que esperava uma receita de US$ 36 milhões a US$ 40 milhões --, o filme dirigido e estrelado por Michael B. Jordan ultrapassou por muito as outras duas produções da franquia. Só nos Estados Unidos, Creed 2 arrecadou na estreia em 2018 US$ 35,5 milhões, já o primeiro filme gerou uma receita de US$ 30,1 milhões no final de estreia.

Os bons números mostram que a franquia Rocky Balboa não precisa mais de Sylvester Stallone para fazer sucesso, já que esse é o terceiro filme da saga sem ter o ator como personagem principal e os índices só melhoram a cada filme.

Em Creed 3, Damian não aceita que Creed “tomou o lugar dele” e após sair da prisão decide voltar aos campeonatos de luta. Assim, dois velhos amigos lutam para enfrentar os passados juntos e o futuro que os aguarda. (via AdoroCinema)

Inscreva-se no...

Creed 3: Estreia bate recorde de bilheteria da franquia
Leia Mais