Coronavírus: febre atinge quase 88% dos casos, aponta OMS

BARCELONA, March 20, 2020 -- A medical worker tests a patient at a hospital in Barcelona, Spain, March 20, 2020. Spain has reported over 1,000 deaths of COVID-19, the disease caused by the novel coronavirus, the Spanish Ministry for Health, Consumer Affairs and Social Services confirmed on Friday. According to the ministry, 1,002 people have now lost their lives from COVID-19, in comparison with the 767 deaths a day ago. (Photo by Francisco Avia/Xinhua via Getty) (Xinhua/ via Getty Images)
Paciente é testada em hospital de Barcelona, na Espanha. Foto: Francisco Avia/Xinhua via Getty Images

Febre e tosse seca são os sintomas mais comuns provocados pelo novo coronavírus, segundo levantamento da Organização Mundial da Saúde (OMS). Embora as reações dos indivíduos à covid-19 variem bastante, da ausência total de sintomas à pneumonia severa e morte, a instituição divulgou dados dos sinais mais típicos da doença.

E nos siga no Google News:

Yahoo Notícias | Yahoo Finanças | Yahoo Esportes | Yahoo Vida e Estilo

De acordo com a OMS, 87,9% dos pacientes têm febre, e 67,7% apresentam tosse seca. Em seguida, os sintomas mais comuns são fadiga (38,1%), produção de catarro (33,4%) e falta de ar (18,6%).

Leia também:

Os registros também mostram que 14,8% dos infectados sentem dor no corpo, 13,9% sofrem com dor de garganta e 13,6% se queixam de dor de cabeça.

Outros sinais menos frequentes provocados pelo coronavírus são calafrios (11,4%), náusea ou vômito (5%), congestão nasal (4,8%) e diarreia (3,7%).