Coronavírus: Brasil tem 291 casos confirmados, diz Ministério da Saúde

Número de casos confirmados no Brasil, na tarde desta terça, é de 291. (Foto: Reprodução/YouTube)

O Ministério da Saúde atualizou para 291 o número de casos confirmados do novo coronavírus no Brasil. O país teve nesta terça-feira (17) a confirmação da primeira morte de um paciente em São Paulo em decorrência da Covid-19. Outras quatro mortes ainda estão sob investigação na capital paulista.

E nos siga no Google News:

Yahoo Notícias | Yahoo Finanças | Yahoo Esportes | Yahoo Vida e Estilo

“Eu esperava, achava que teríamos um pouco antes, pelo número de casos. Nunca gostamos de ter caso, mas chegamos a 400 com um óbito. Podemos ter 6 óbitos amanhã e não podemos falar em letalidade. O Brasil é um país jovem, vamos ver como isso funciona. Ainda temos muitas perguntas sobre o comportamento desse vírus. Trabalhamos com cenários e impressões do que podem acontecer ali na frente”, afirmou o ministro da Saúde, Luiz Henrique Mandetta.

Leia também:

Os estados que concentram mais casos são São Paulo, com 164 confirmações, e Rio de Janeiro, com 33 infectados confirmados pela Covid-19. Os dois estados também são os únicos a registrar transmissão comunitária - que ocorre quando não é mais possível saber a origem da infecção.

Baixe o app do Yahoo Mail em menos de 1 min e receba todos os seus emails em 1 só lugar

Enquanto isso, o número de casos suspeitos avançou para 8.819, crescimento de 6.755 na comparação com a véspera, diante de uma alteração na forma de checagem pelo ministério, que adotou uma classificação automatizada. Mais de 5.000 das suspeitas estão em São Paulo.

Além dos casos confirmados, o Ministério da Saúde contabilizava na terça-feira:

  • 8.819 casos suspeitos

  • 1.890 casos descartados

  • 28 pessoas estão hospitalizadas (10% do total)

A divulgação do Ministério da Saúde diz respeito aos casos confirmados que foram repassados para a pasta pelas secretarias de saúde dos Estados, até às 14h. A média de idade dos infectados no Brasil, segundo o Ministério da Saúde, é de 42 anos. Cerca de metade dos casos ocorreram em pacientes com menos de 40 anos - 144 casos.

Confira as tabelas:

IDADE

  • < 40 anos —————— 144 casos (50%)

  • 40-49 anos ————— 50 casos (17%)

  • 50-59 anos ————— 45 casos (16%)

  • 60-69 anos ————— 34 casos (12%)

  • > 69 anos —————— 12 casos (4%)

  • Não informado ——— 6 casos (2%)

SEXO

  • Feminino: 148 casos (51%)

  • Masculino: 142 casos (49%)

  • Não informado: 1 (0%)

Fonte: Ministério da Saúde

1ª MORTE E OUTRAS 4 SOB INVESTIGAÇÃO

O paciente, segundo informações do Governo do Estado de SP dada em coletiva no início da tarde desta terça-feira (17), era homem de 62 anos. A vítima não tinha histórico de viagem, mas apresentava duas condições pré-existentes que o colocavam no grupo de risco da doença: diabetes e hipertensão.

A vítima confirmada teria apresentado os sintomas no dia 10 de março, dado entrada na internação no hospital particular no dia 14 de março e falecido nesta segunda (16). As quatro mortes sob investigação ocorreram na mesma rede de hospitais onde estava internado a 1ª vítima fatal da covid-19. No entanto, não há confirmação de que os quatro estariam na mesma unidade.

O coordenador do Centro de Contingência do Coronavírus de São Paulo, o infectologista David Uip, informou que outras quatro mortes estão sendo investigadas por suspeita de terem sido provocadas pelo vírus. Ainda não há confirmação.