Coronavírus faz filmagens de cinema e de TV serem suspensas em São Paulo

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - A Spcine e a São Paulo Film Commission publicaram comunicado informando que todas as gravações programadas para ocorrer na cidade de São Paulo a partir desta terça-feira (17) estão suspensas por causa da expansão do coronavírus na cidade.

A decisão segue determinação da prefeitura, que suspendeu qualquer nova solicitação de filmagens, assim como agendamentos de visitas de locação ou visitas técnicas. Além disso, o prefeito, Bruno Covas, decretou situação de emergência na capital.

A medida, que afeta principalmente filmes e séries, contempla também autorizações que já haviam sido emitidas - agora, elas estão revogadas por prazo indeterminado.

No comunicado, os órgãos também informam que as restrições são válidas tanto para gravações internas quanto para externas. Para as filmagens privadas, a recomendação é de interrupção.

A medida não é a única que vem afetando o setor por causa da pandemia de coronavírus. Pela primeira vez no Brasil, os cinemas não têm nenhuma estreia. Além disso, cerca de 600 salas estão fechadas no país.