Goleiro rival faz "sarrada" e Sassá tenta agredi-lo; assista

Confusão no jogo da Copa do Brasil (Foto: Agif)

Além da eliminação na primeira rodada da Copa do Brasil para o Manaus FC, o Coritiba ainda viu seu o atacante Sassá ser o principal nome do jogo, mas de um jeito que ele não vai querer ser lembrado.

SIGA O YAHOO ESPORTES NO INSTAGRAM
SIGA O YAHOO ESPORTES NO FLIPBOARD

O jogador perdeu um pênalti e ainda foi flagrado tentando agredir o goleiro reserva adversário, Gleibson.

Leia também:

Sassá não aguentou as provocações do arqueiro do outro time. Ao final do jogo, Gleibson deu uma “sarrada”, comemoração que ficou bastante conhecida por causa do atleta do Coxa.

Sassá só não conseguiu agredir o rival porque foi agarrado pelo diretor de competições de base da Federação Amazonense de Futebol. O ato violento frustrado gerou uma briga generalizada.

Sassá estava na mira dos torcedores desde que chegou a Manaus. No último treino antes do jogo um torcedor aproveitou os portões abertos e provocou o jogador.

Em campo, o Manaus venceu o Coritiba por 1 a 0 com gol de Rossini e na segunda fase vai encarar o Brasil de Pelotas-RS. É o segundo ano consecutivo que o Coxa cai na primeira fase da competição.

Depois que os ânimos se acalmaram, os jogadores do Gavião do norte comemoraram o avanço com a “sarrada” no ar e o time ainda fez uma postagem nas redes sociais tirando sarro.

Siga o Yahoo Esportes

Twitter | Flipboard | Facebook | Spotify | iTunes | Playerhunter