Corinthians tenta faturar milhões com venda de atacante para Coreia

André Luís estreou muito bem pelo Daejeon citizen, da Coreia (Arquivo pessoal)

O atacante André Luís pode garantir nos próximos dias um baita negócio ao Corinthians. É que o ponta foi comprado da Ponte Preta por R$ 2 milhões e está cotado para se transferir em definitivo por cerca de R$ 15 milhões - tudo isso em aproximadamente um ano e meio.

Baixe o app do Yahoo Mail em menos de 1 min e receba todos os seus emails em 1 só lugar

Siga o Yahoo Esportes no Google News

O Blog apurou que Corinthians e Daejeon Citizen, da Coreia do Sul, passaram os últimos dias tratando da transferência em definitivo do atleta, que estreou com o pé direito na Ásia - ele disputou dois jogos e marcou três dos quatro gols do time.

Leia também:

Por causa da pandemia do coronavírus, André Luís só pôde estrear pelo Daejeon em 9 de maio, na vitória por 2 a 1 em cima do Suwon - um dos gols foi do brasileiro. No dia 17, empate em 2 a 2 com Chungnam Asan, com mais dois gols dele.

No acordo de empréstimo entre os clubes, ficou fixado em US$ 3 milhões (R$ 17,2 milhões) o valor da compra em definitivo. Os sul-coreanos já procuraram o Timão para demonstrar interesse em contar com André Luís em definitivo. Porém, o presidente Andrés Sanchez trabalha nos bastidores para ficar com um percentual da venda superior aos 60% previstos em contrato.

A ideia alvinegra é faturar entre R$ 14 milhões e R$ 15 milhões. Desta maneira, os parceiros do Timão teriam de abrir mão de parte do dinheiro para bater o martelo.

A venda é tratada internamente como fundamental, diante das enormes dificuldades financeiras pelas quais passa o Corinthians. Depois de fechar com déficit de R$ 177 milhões no ano passado, o Timão ainda tem perdido uma série de receitas por causa das paralisações dos campeonatos, em razão do Coronavírus.

Veja mais de Jorge Nicola no Yahoo Esportes

Siga o Yahoo Esportes no Instagram, Facebook e Twitter e aproveite para se logar e deixar aqui abaixo o seu comentário.