“Contágio”: Diretor está planejando uma sequência filosófica para o thriller

Bruna Nogueira
·1 minuto de leitura
Filme foi lançado em 2011 (Reprodução)
(Reprodução)

O site IndieWire divulgou na última segunda-feira (28), a notícia de que o filme “Contágio“, de 2011, ganhará uma sequência. Em entrevista compartilhada pelo site, o diretor Steven Soderbergh revelou que o próximo filme será mais filosófico e a trama não terá uma ligação direta com o primeiro longa-metragem.

“Eu tenho um projeto em desenvolvimento no qual Scott Burns (roteirista) está trabalhando comigo, que é uma espécie de sequência filosófica de ‘Contágio’, mas em um contexto diferente”, disse Soderbergh. “Você vai olhar para os dois como pares, mas com cores de cabelo muito diferentes. Então, Scott e eu estávamos conversando sobre isso, ‘qual é a próxima iteração de uma história do tipo?’ Estamos trabalhando nisso; provavelmente deveríamos nos apressar um pouco”.

“Contágio” centrou-se em um surto viral fictício nos Estados Unidos, o caos que se seguiu e as tentativas do governo de lidar com a situação. O enredo do filme tinha alguns paralelos com a pandemia da COVID-19 no mundo real, o que fez com que a popularidade da obra disparasse no início deste ano.

Membros do elenco, como Matt Damon, Laurence Fishburne, Kate Winslet, Marion Cotillard e Jennifer Ehle gravaram vídeos informativos sobre como se proteger do coronavírus. O médico Ian Lipkin, que prestou consultorias ao filme enfatizou os perigos da pandemia depois de ter contraído o vírus em março.