Comunicação não-violenta pode resolver conflitos dentro de casa

No 'É Normal', Fernando Rocha recebe a escritora e psicanalista Elisama Santos que explica que a abordagem da comunicação não-violenta no ambiente familiar permite reconhecer o sentimento alheio e também se aprofundar melhor em relação às próprias emoções