Máscaras e álcool em gel de lembrancinha: como serão os casamentos após a quarentena?

Como serão as cerimônias e festas de casamento do futuro? Foto: Getty Images

Centenas de milhares de casais tiveram suas cerimônias de casamento afetadas pela pandemia de coronavírus. De acordo com o The Knot, 92% dos casais cujos eventos foram impactados em todo o mundo decidiram não cancelar o grande dia, e sim adiar os planos para o final desse ano ou 2021. 

Baixe o app do Yahoo Mail em menos de 1 min e receba todos os seus emails em 1 só lugar

Siga o Yahoo Vida e Estilo no Google News

Mas diante das medidas de distanciamento social e limitação do número de pessoas que podem ser convidadas para celebrar, como será a nova realidade dos casamentos do futuro?

Leia também

Saúde e segurança em primeiro lugar

Embora muitos casais costumem pensar em formas de personalizar o dia do seu casamento com playlists das suas músicas preferidas, chocolate, grãos de café e até suculentas, os especialistas acreditam que isso deve mudar no futuro.

Álcool gel provavelmente estará no topo da lista de desejos dos noivos e noivas do futuro, e muitos especialistas preveem, inclusive, que esse item pode ser incluído nas lembrancinhas pré-cerimônia, nas sacolinhas de boas-vindas, e pode até ser oferecido pelos garçons em bandejas de prata.

Luvas e máscaras se tornarão obrigatórias

Se você achava que o seu sapato seria o acessório de maior destaque no seu casamento, esqueça, pois as máscaras e as luvas serão os novos itens básicos desse tipo de evento.

Os especialistas preveem que elas não apenas serão oferecidas aos convidados como hoje oferecemos taças de prosecco, mas também que os casais podem começar a combinar esses itens com o tema geral do casamento.

Casamentos ao ar livre

De acordo com o The Knot, os casais que estão começando a planejar o casamento, devem incorporar alguns elementos ao ar livre, para que seus convidados não se sintam confinados.

“Para aqueles que já escolheram um local fechado, será preciso ser mais minucioso ao escolher quem convidar e quais convidados agrupar, tanto na cerimônia quanto nas mesas em que o jantar será servido,” diz Kristen Maxwell Cooper, editora-chefe do The Knot.

Luvas e máscaras devem ser tornar obrigatórias. Foto: Getty Images

“Os locais dos eventos já podem notar um aumento do desejo dos casais de incorporar elementos ao ar livre a suas celebrações, montando espaços pequenos com móveis cuidadosamente posicionados em meio a jardins floridos, com iluminação ambiente,” disse Melanie McAfee, dona do Barr Mansion, Ballroom and Farmstand

“Além disso, os locais que têm mais de um espaço dedicado aos casamentos – talvez uma área coberta ao ar livre e um salão interno com um terraço aberto adjacente – podem optar por colocar todos os espaços à disposição para uma única celebração, permitindo que os casais e seus convidados fiquem mais espalhados do que o normal”.

Cerimônias mais curtas e lugares distantes

As cerimônias de casamento devem ficar bem mais curtas após a quarentena, reduzindo o tempo em que as pessoas terão que se manter mais próximas umas das outras. Os assentos socialmente distantes podem se tornar a regra, e o cerimonialista pode pedir que a noiva e o noivo se afastem um pouco durante a cerimônia.

Filas de cumprimentos à distância

Estamos acostumados a cumprimentar a noiva e o noivo com um beijo e um abraço, mas segundo os especialistas, isso está prestes a mudar.

Os casais podem escolher manter uma fila de cumprimentos à distância, na qual os convidados possam piscar ou acenar para os recém-casados mantendo o distanciamento social.

Os casais podem optar por uma fila de cumprimentos à distância, vetando os beijos e abraços. Foto: Getty Images

Casamentos em dias de semana

Muitos casais estão sendo flexíveis ao remarcar a data do casamento, e os dias de semana não estão fora de cogitação.

Para encontrar uma data em que todos os fornecedores ainda estejam disponíveis, os casais estão optando por cerimônias e festas às quintas-feiras, sextas-feiras e domingos.

Transmissão ao vivo para os que estão longe

Além disso, remarcar o casamento pode significar que muitos dos convidados não ião conseguir comparecer ao grande dia, seja por estarem desconfortáveis com a possibilidade de viajar ou pelo medo do contato com um grande número de pessoas durante o evento.

Muitos casais deverão fazer uma transmissão ao vivo da cerimônia e da festa, e também de qualquer outro evento relacionado ao casamento, como despedida de solteiro(a), chá de panela, etc.

Sarah Carty