Como criar um número com eSIM?

Facilidade presente em alguns dos smartphones topo de linha modernos, o eSIM é uma versão eletrônica do chip SIM utilizado pelos celulares para se conectar às redes móveis da operadoras. O recurso se diferencia por não exigir o uso de um cartão físico no telefone — sua ativação é realizada com um QR code gerado pelas operadoras que suportam a tecnologia no momento da contratação de um plano.

Como criar um número com eSIM?

Apesar das diferenças físicas, o funcionamento do eSIM e do chip SIM tradicional é essencialmente o mesmo. Isso significa que a criação do número da linha telefônica vinculada ao SIM virtual é gerenciada pela própria operadora durante o processo de ativação. A exceção vai para os casos de portabilidade em que, obviamente, o número já existe e é apenas transferido de um SIM físico ou na mudança de operadora com a qual é feito o plano.

Para ativar o eSIM, é importante lembrar que apenas alguns modelos mais avançados de celular possuem a tecnologia e a compatibilidade com as operadoras brasileiras.

Somente aparelhos Apple, Motorola e Samsung estão oficialmente habilitados para utilizar a função no país, além de alguns modelos importados de marcas como Google, Huawei, OPPO e Sony — vale destacar que, nesse caso, o funcionamento não é garantido. A lista completa pode ser conferida neste artigo.

O eSIM é ativado através da leitura do QR code fornecido pela operadora após a contratação do plano — o número da linha é gerado durante a configuração da rede (Imagem: Renan da Silva Dores/Captura de tela)
O eSIM é ativado através da leitura do QR code fornecido pela operadora após a contratação do plano — o número da linha é gerado durante a configuração da rede (Imagem: Renan da Silva Dores/Captura de tela)

Com a confirmação de que o dispositivo está na lista de compatibilidade, o próximo passo é adquirir um eSIM, disponibilizado em lojas físicas e, a depender da operadora, em contratação pela internet. O serviço está disponível nas três grandes operadoras do país: Claro, Tim e Vivo, e é necessário estar com a documentação em mãos, além do número EID, uma "identidade" do celular utilizada para a ativação do SIM virtual.

Um QR code é fornecido após a contratação, sendo então necessário escaneá-lo com a câmera do celular e, na janela pop-up, confirmar a ativação da linha embutida ao código no aparelho. Também é possível adicioná-lo através do caminho Configurações > Conexões > Redes móveis > Gerenciador de cartão SIM > Adicionar plano móvel.

Como comprar um eSIM online?

No Brasil, apenas duas das grandes operadoras que suportam a linha via SIM integrado possuem compra de eSIM pela internet: Claro e Vivo. A TIM não apresenta informações relacionadas à aquisição da linha no site, indicando apenas ser necessário comparecer a uma loja.

No caso da Claro, a empresa possui um site em que o cliente pode selecionar o plano ao qual pretende se vincular e, após a contratação com ou sem portabilidade, o código QR para ativação do eSIM é disponibilizado.

A Claro é a única a contar com um processo completo de compra do eSIM (chamado pela empresa de e-chip) pela internet (Imagem: Reprodução/Claro)
A Claro é a única a contar com um processo completo de compra do eSIM (chamado pela empresa de e-chip) pela internet (Imagem: Reprodução/Claro)

Já a Vivo exige que o cliente faça contato com uma loja física, ainda que online — a operadora conta com uma página onde o usuário pode inserir o CEP e encontrar o atendimento mais próximo, realizando a negociação com a unidade através do WhatsApp. Vale destacar, no entanto, que a companhia não especifica se, mesmo após o contato virtual, é necessário ir pessoalmente à loja.

Fonte: Canaltech

Trending no Canaltech: