Comic-Con está de volta com os elfos de Tolkien e os dragões de Westeros

Milhares de cosplayers e nerds se reúnem na cidade californiana de San Diego, nesta quinta-feira (21), para participarem da primeira Comic-Con em grande escala em três anos, onde serão reveladas informações da série do "Senhor dos Anéis" e da saga "Game of Thrones".

Enormes filas de fãs vestidos como super-heróis ou monstros espaciais foram formadas nos portões do centro de convenções da cidade, sob um forte sol, para o maior evento da cultura pop.

Após duas edições realizadas virtualmente devido à covid-19, espera-se que cerca de 130.000 pessoas participem da volta presencial da Comic-Con, alcançando os níveis de audiência pré-pandemia.

Os mais fanáticos acamparam durante 24 horas para garantir entrada no Hall H, o coração da Comic-Con e onde o estúdio Paramount deu início à grande festa do mundo dos quadrinhos, ficção científica e fantasia apresentando um primeiro olhar de sua versão cinematográfica de "Dungeons & Dragons".

Os atores Chris Pine, Hugh Grant e Rege-Jean Page apareceram no palco da sala, com capacidade para 6 mil espectadores, para discutir a nostálgica e leve perspectiva sobre o jogo de RP mais popular do mundo.

"Tem uma espécie de energia Spielbergiana, é como os filmes com os quais cresci nos anos 1980", declarou Pine, enquanto Grant comentou que o roteiro tinha "uma 'vibe' Monty Python".

Cenas do filme, que será lançado em março de 2023, mostram um grupo de ladrões erguendo cadáveres entre mortos e sendo obrigados a competir em um labirinto letal perseguidos por monstros diante de um público sedento por sangue.

Page, que ganhou fama como galã da série da Netflix "Bridgerton", descreveu o rigoroso treinamento para as cenas de ação.

"Tive que empunhar uma espada, meus músculos estavam me matando e eu tinha a melhor bunda da minha vida", declarou, para delírio da audiência.

- "Três anos" -

"Se passaram três anos desde a última vez que estivemos juntos nesta sala. Como vocês estão?", perguntou o chefe de programação da Comic-Con, Eddie Ibrahim, arrancando gritos de milhares de fãs mascarados e fantasiados de hobbits, dragões ou princesas.

Este evento, que começou como uma pequena reunião sobre quadrinhos no porão de um hotel de San Diego há mais de 50 anos, hoje em dia atrai as estrelas dos maiores estúdios de Hollywood, incluindo Disney e Warner Bros.

E esses gigantes não fizeram nada para refutar os rumores de que revelarão informações da nova sequência da Marvel, "Pantera Negra: Wakanda Para Sempre", e que anunciarão um novo filme do Super-Homem.

Mas as atenções estão todas voltadas para duas novas séries de televisão: "O Senhor dos Anéis: Os Anéis do Poder", da Amazon Prime, e "A Casa do Dragão", da HBO.

"Os Anéis do Poder" é a ambiciosa saga da Amazon que chega ao universo dos livros de J.R.R. Tolkien muito antes dos eventos descritos na trilogia vencedora do Oscar do diretor Peter Jackson.

A série, cujo orçamento superou US$ 1 bilhão, terá cinco temporadas, a primeira começando em 2 de setembro, e será apresentada nesta sexta-feira.

- Anéis vs. Dragões -

No dia seguinte, a HBO revelará "A Casa do Dragão", a primeira série spin-off de "Game of Thrones", baseada no mundo fictício de Westeros, criado por George R.R. Martin.

O autor evitou falar sobre a rivalidade entre as franquias. "Quero que ambas as séries cheguem a audiências que as apreciem e que sejam televisão de qualidade. Uma grande fantasia", disse Martin.

"Quanto mais sucesso tivermos no gênero da fantasia, mais fantasia teremos no futuro", escreveu em um blog.

A HBO espera que "A Casa do Dragão" alcance a enorme popularidade da série original, que durante oito temporadas se tornou um símbolo da cultura pop, gerando incontáveis imitações e vencendo 59 prêmios Emmy, um recorde para um drama de televisão.

Com Matt Smith, Rhys Ifans e Emma D'Arcy, "A Casa do Dragão" conta a história da família Targaryen, implacáveis criadores de dragões, cerca de 300 anos antes dos eventos de "Game of Thrones".

Suas estrelas estarão no Hall H logo após uma apresentação cinematográfica da empresa irmã da HBO, a Warner Bros., com o ator Dwayne "The Rock" Johnson promovendo seu próximo filme de super-heróis, "Adão Negro".

A Disney ainda não anunciou sua programação para o Hall H, mas há rumores de que finalmente revelará a tão esperada sequência "Pantera Negra 2".

Esta Comic-Con também incluirá um adeus ao sucesso da AMC "The Walking Dead" com a temporada final da série apocalíptica e o lançamento de um spin-off, "Tales of the Walking Dead".

amz/pr/yow/am

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos