Com spoilers: final de 'Vingadores: Guerra Infinita' enganou o público? Leia teorias

(Imagem: divulgação Disney/Marvel)

Atenção: o texto abaixo fala do final de ‘Vingadores: Guerra Infinita’. Não leia se ainda não viu o filme.

Neste último final de semana, ‘Vingadores: Guerra Infinita’ fez história ao se tornar a maior bilheteria de uma estreia em todos os tempos. Já são mais de US$ 725 milhões arrecadados no mundo todo em apenas cinco dias, antes mesmo do filme ser lançado em mercados importantes, como a China.

A jogada da Marvel foi tão bem pensada que preparou o terreno para que o fenômeno se repita no ano que vem, com a estreia do quarto longa dos Vingadores, ainda sem título. Isso porque o final de ‘Guerra Infinita’ é tão impactante que faz o público salivar pela sequência, quando irá descobrir o que realmente aconteceu com alguns de seus heróis preferidos.

Porém, há quem tenha saído do cinema revoltado e se sentindo enganado. Afinal, é altamente improvável que as mortes de personagens-chave como o Homem-Aranha (Tom Holland), Doutor Estranho (Benedict Cumberbatch) e o Pantera Negra (Chadwick Boseman) tenham sidos para valer, o que tira muito do peso daquele desfecho aparentemente trágico, com Thanos estalando os dedos e apagando metade das criaturas do Planeta Terra.

A primeira coisa que vem à cabeça é o fato da própria Marvel já ter anunciado continuações de ‘Homem-Aranha: De Volta ao Lar’ e ‘Pantera Negra’. Até ‘Guardiões da Galáxia’ tem uma terceira parte já prevista, o que abre caminho não apenas para o retorno de Peter Quill (Chris Pratt), mas até mesmo de Gamora (Zoe Saldaña), a principal figura feminina da trupe espacial, cuja suposta morte é um dos momentos de maior carga emocional de ‘Guerra Infinita’.

Se tudo leva a crer que estes personagens serão ressuscitados, a pergunta agora é como isso irá acontecer. As teorias mais difundidas pelos amantes dos quadrinhos falam sobre viagem no tempo. Assim, quando o Doutor Estranho entrega a Joia do Tempo para Thanos para evitar a morte de Tony Stark (Robert Downey Jr.), faz parte do único plano possível visto por ele para derrotar o vilão. Algo como dar um passo para trás para posteriormente dar dois a frente.

Este retorno ao passado e outras dimensões terá participação importante do Homem-Formiga (Paul Rudd) e sua parceira Vespa (Evangeline Lilly), que não apareceram em ‘Guerra Infinita’ mas estão confirmados no próximo ‘Vingadores’. O trailer do novo filme da dupla, divulgado esta semana, mostra os personagens falando do Reino Quântico, local onde as noções de tempo e espaço podem ser manipuladas.

Quem também fará sua aparição em grande estilo no quarto ‘Vingadores’ é a Capitã Marvel (Brie Larson), considerada pelos produtores a mais poderosa do grupo. A cena pós-créditos de ‘Guerra Infinita’ mostra Nick Fury (Samuel L. Jackson) enviando uma mensagem a ela segundos antes de desaparecer. A heroína será apresentada ao público em um filme solo com estreia marcada para março de 2019 e terá papel fundamental na franquia a partir daí.

Kevin Feige, chefe da Marvel nos cinemas, já declarou que deseja fazer uma grande renovação após estes dez anos desde o primeiro ‘Homem de Ferro’. Este desejo, aliado ao fato de que os contratos de Robert Downey Jr. e Chris Evans (ator que intepreta o Capitão América) estão no fim, podem indicar que pelo menos estes dois heróis correm risco de um destino trágico. Não há de se descartar, portanto, a hipótese que se sacrifiquem para trazer os colegas de volta na sequência.

A continuação de ‘Vingadores: Guerra Infinita’ será lançada em maio do ano que vem. Até lá, muitas teorias serão levantadas. Qual é a sua? Deixe nos comentários!