Com câncer na próstata, Mister M pede ajuda para fazer cirurgia

Leonard Montano falou sobre sua doença no Balanço Geral da Record (Reprodução/ RecordTV)

O mágico Leonard Montano, que ficou muito conhecido no Brasil como Mister M, depois de fazer sucesso em um quadro no “Fantástico” da Globo, deu uma entrevista ao programa “Balanço Geral” da Record, e contou que está com câncer de próstata. Visivelmente abatido e mais magro, o mágico disse que foi alertado pelos médicos que teria somente mais um ano de vida e precisa de cerca de R$ 45 mil para fazer uma cirurgia e comprar medicamentos.

“Oi, eu sou o Val Valentino, o Mister M. Nos últimos cinco anos, eu tive sérios problemas de saúde, e por três anos passei por vários médicos. Eles não conseguiam descobrir o que estava errado. Dois anos atrás, eu fui diagnosticado com algo muito ruim na próstata, não vou falar o nome. O urologista que descobriu me disse que eu teria menos de um ano e que eu teria que ser operado ou estaria morto. A única coisa que ele poderia fazer era a cirurgia, quimioterapia, radioterapia, e eu não queria fazer isso. Então perguntei quanto tempo eu teria. Seria um ano. E fui embora do consultório. Não tomei a medicação que ele gostaria que eu tomasse por causa dos efeitos colaterais, que eram horríveis”, disse Leonard no programa da Record.

Leia mais:
Jonathan Azevedo, o Sabiá de ‘A Força do Querer’, diz que sofre preconceito
Paolla Oliveira aparece na cama com outra mulher em filme português

Mister M também contou que está fazendo uma “vaquinha virtual”) para arrecadar dinheiro para realizar a cirurgia e comprar os medicamentos que precisa, já que está muito fraco para trabalhar. “Um ano depois do diagnóstico eu continuava vivo, e isso foi incrível! Nós estamos falando sobre cinco anos, não tendo condição de trabalhar, porque eu não tinha como entrar em um avião, porque a próstata inchava e tinha tinha outros problemas. Eu não tinha energia e não conseguia me apresentar. Então eu acabei com as minhas economias, ainda tinha que manter a casa, cuidar dos meus filhos e da família“, explicou Leonard.