Cobertura de Johnny Depp e Amber Heard é colocada à venda após batalha judicial

Johnny Depp e Amber Heard credit:Bang Showbiz
Johnny Depp e Amber Heard credit:Bang Showbiz

O antigo lar de Johnny Depp e Amber Heard foi colocado à venda.

O ex-casal passou grande parte de seu casamento na luxuosa cobertura, em Los Angeles - uma das cinco propriedades no condomínio Eastern Columbia que pertenciam ao ator americano.

Detalhes sobre o que acontecia na vida íntima da dupla dentro da propriedade luxuosa foram expostos para o mundo inteiro ao longo da amarga batalha judicial do ex-casal na Justiça, que terminou na semana passada.

Depp venceu o processo de difamação de U$ 50 milhões [cerca de R$ 235 milhões, em conversão atual] que moveu contra a atriz, após seis semanas de depoimentos explosivos e cerca de 13 horas de reunião dos jurados para chegar a uma sentença.

O astro processou a ex-mulher por difamação depois que a atriz escreveu um artigo de opinião para o jornal 'The Washington Post' alegando ter sido vítima de violência doméstica durante o seu casamento com o ator.

O ensaio não faz menção direta a Depp, porém os advogados do artista disseram que o texto "insinua falsamente" que ele foi abusivo com Heard enquanto eles estavam juntos.

O ator negou veementemente as alegações de violência, as quais descreveu como "ultrajantes e bizarras", e disse que a ação judicial era uma forma de "se abrir" a respeito das acusações que carregou nos ombros com relutância ao longo dos últimos anos.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos