Cinebiografia de Madonna é cancelada após anúncio da turnê de 40 anos da cantora

Mônica Bergamo 19.02.2017 - Cantora Madonna; que cobrou US$ 1 mi para ir ao camarote em 2010. (Foto: Mastrangelo Reino /Folhapress)
Mônica Bergamo 19.02.2017 - Cantora Madonna; que cobrou US$ 1 mi para ir ao camarote em 2010. (Foto: Mastrangelo Reino /Folhapress)

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - O muito esperado filme sobre a vida de Madonna deixou de existir. A Universal Pictures confirmou à Variety nesta terça-feira que a cinebiografia não está mais em desenvolvimento no estúdio.

O desligamento acontece uma semana depois do anúncio da turnê "Celebration Tour", em que a artista comemora os 40 anos de carreira com shows na Europa, Estados Unidos e Canadá. De acordo com a Variety, Madonna segue interessada em fazer um filme sobre sua vida, mas no momento seu único foco são as apresentações ao vivo pelo mundo.

O longa-metragem foi anunciado em 2020 e já tinha escolhido a atriz Julia Garner, de "Ozark" e "The Americans", para interpretar a rainha do pop.

O projeto também havia passado por duas versões de roteiro, com Madonna ativamente envolvida na escrita e com colaborações separadas de Diablo Cody, roteirista de "Juno", e Cressida Wilson, de "A Garota do Trem".

O projeto ainda marcaria a reunião de Madonna com a produtora Amy Pascal, que trabalharam juntos na comédia "Uma Equipe Especial", de 1982. Pascal foi responsável por formalizar o acordo de produção e distribuição da cinebiografia com a Universal Pictures, há três anos.